A Parábola do Semeador vai mostrar um mundo devastado por uma seca irreversível. Temos um ambiente inabitável com escassez de água e outros recursos por conta do descaso com a sociedade. A segurança pública deixou de ser prioridade e crimes como roubos, assassinatos, tráfico de drogas, estupros viraram rotina e não são mais punidos da forma como que deveriam. Temos destruição ambiental, um governo negligente e uma polícia corrupta dificultando a vida de quem está vivendo nessas condições.


Tudo o que você toca
Você muda.
Tudo o que você muda
Muda você.
A única verdade perene
É a mudança

A Parábola do Semeador

Lauren Olamina é uma das sobreviventes e vive em um bairro murado. A comunidade é pequena, mas todos que vivem ali se ajudam. A falecida mãe de Lauren era usuária de uma substância pesada e por causa disso, ela nasceu com uma síndrome chamada hiperempatia. A garota guarda esse segredo, pois ela tem medo de como isso pode ser usado contra ela. Essa síndrome permite que ela experimente na própria pele a dor e o prazer que as pessoas à sua volta estão sentindo.

Lauren narra tudo o que acontece no seu dia em um diário. Nele é possível encontrar as novidades que acontecem na vizinhança, as aulas que ela ajuda a ministrar ao lado de sua madrasta e também as pregações do seu pai que é um pastor. Desde cedo as crianças aprendem a usar armas para ajudar na segurança da comunidade.

A Parábola do Semeador -Octavia E. Butler

SEMENTE DA TERRA

Diante de todo esse quadro é possível perceber a pressa e a dificuldade de crescer e amadurecer em um ambiente tão hostil. E o que motiva Lauren a continuar lutando é a religião. Porém não é a que seu pai prega na comunidade. É uma nova igreja criada por ela mesma e seu principio fundamental é de que “Deus é a mudança“. A garota chama essa nova religião de Semente da Terra e isso a motiva a buscar uma nova forma de viver.

Por ser cética, pensei que essa caracterização iria atrapalhar a minha leitura, entretanto gostei da discussão positiva do papel da fé e da religião. Lauren é uma personagem com falhas e erros; ela cresceu em um mundo cruel e vive aquela realidade. Então ver a sua insegurança e até mesmo as decisões que tomou para sobreviver, me fez sentir empatia.

Se tem uma coisa que eu aprendi com os livros da Ocativa E. Butler é que não é possível finalizar uma leitura sorrindo. A Parábola do semeador é cruel, tem várias cenas que causam repulsas e o livro traz reflexões interessantes envolvendo fé e religião. Ver aquele ambiente devastado e a briga por sobrevivência me fez refletir sobre várias questões. Vivemos um momento extremamente delicado em nossa política. Enquanto muitos discutem lados (esquerda/direita), vários políticos estão se aproveitando da situação e negligenciando o que realmente precisa ser debatido.

.

A Parábola do Semeador -Octavia E. Butler

A esperança pode surgir nos piores cenários possíveis

Se pararmos para avaliar nossas condições atuais, temos que comemorar o fato de termos acesso instantâneo às crises que acontecem pelo mundo. Mas ao mesmo tempo gera um certo desconforto quando nos damos conta de que é possível repetirmos os piores erros que a nossa História tem a oferecer.

Lauren é uma jovem incrível e – mesmo vivendo em um ambiente horrível– é muito determinada. Ela respeita o seu pai, mesmo não concordando com algumas ideias. Coloca a sua família em primeiro lugar e a sua síndrome de hiperempatia me fez pensar em como a dor pode ser transmitida através das gerações. 

A história realmente me incomodou bastante. Ver o desespero humano e o egoísmo destruindo tudo e todos me deixou muito mal. No entanto, Lauren mostra que a esperança pode existir nos piores cenários possíveis. Estou bem otimista com a continuação “A Parábola dos Talentos” e não vejo a hora de dar uma chance.

Quando as pessoas passam a achar que não há problema em pegar o que querem e destruir o resto, como saber quando elas vão parar?

A Parábola do Semeador

A Parábola do Semeador Book Cover A Parábola do Semeador
Semente da Terra #1
Octavia E. Butler
Ficção Científica
Morro Branco
416

Quando uma crise ambiental e econômica leva ao caos social, nem mesmo os bairros murados estão seguros. Em uma noite de fogo e morte, Lauren Olamina, a jovem filha de um pastor, perde sua família, seu lar e se aventura pelas terras americanas desprotegidas. Mas o que começa como uma fuga pela sobrevivência acaba levando a algo muito maior: uma visão estonteante do destino humano ... e ao nascimento de uma nova fé.