Tea time


O que a vida me ensinou nesses 34 anos
Parei de querer “chegar lá” e decidi investir no “aqui

"But next week, I hope I'm somewhere laughin'
For anybody asking, I promise I'll be fine
I've had some trauma, did things I didn't wanna
Was too afraid to tell ya, but now, I think it's time"

Hoje estou completando 34 anos! Lembro que quando fiz 32, compartilhei um texto aqui no blog dizendo que depois dos 30 anos, parei de querer “chegar lá” e decidi investir no “aqui”. E sinto que hoje é uma ocasião perfeita para compartilhar como está sendo essa experiência.

Apesar de ainda não ter tanta certeza sobre o que eu quero, me sinto segura e confiante para ir atrás de respostas. Tenho mudado muito nos últimos anos e acho isso maravilhoso. Eu tinha medo de encarar responsabilidades e questionamentos para os quais não me sentia preparada para enfrentar.

Passei tanto tempo preocupada em “como chegar lá” que não me dei conta de que na verdade esse lugar nem existe. E essa pandemia veio para esfregar na nossa cara que o que existe é o aqui e o agora. E quando nos deparamos com a realidade, de que somos finitos enquanto matéria, o desespero e o despreparo aparece da pior forma possível.

Estou adorando fazer as coisas no meu tempo!

Mas vou falar das coisas boas! Passei muito tempo me descobrindo e aceitando quem em sou. Mudei e muito a minha forma de pensar! Tenho trabalhado diariamente para me tornar uma pessoa melhor e me sinto grata pelo amadurecimento que os 34 anos me trouxeram. Reconheço que ainda estou longe de ser uma pessoa positiva, otimista e leve. Tem dias que eu acordo desmotivada e querendo desistir de tudo, mas tenho me esforçado constantemente para reconhecer as minhas conquistas e isso me motiva a seguir em frente. Aos pouquinhos faço com que a coragem ultrapasse o meu medo.

E quer dia melhor para se comemorar? Hoje é o dia do Star Wars e assim como nos filmes aprendi a escolher bem as minhas amizades, fazer as minhas próprias escolhas e não perder tempo pensando nas chances que eu teria ou nãoMay the fourth be with you

newsletter receba novidades

Receba atualizações do blog por email

veja também

  • O que ninguém te conta sobre "ser a sua melhor versão todos os dias

    Tea time

    O que Encanto me ensinou sobre burnout

    Por

  • Me lembrando de como se descansa

    Tentando curtir as minhas férias

    Tea time

    Relembrando como se descansa

    Por

  • Um livro que me fez refletir sobre o real significado de estar vivo.

    Literatura Criativa

    Frankenstein: Um clássico que merece uma segunda chance

    Por

comentários

  • Claudia Hi

    Parabéns atrasado Clayci!

    Daqui a pouco chego nos 34 também. Mas não acho que eu esteja tão madura quanto você. Mas acho tão legal ver pessoas que vão atrás do que acreditam e querem e não ligam para o que os outros pensam, mas sem ser estúpido. Acho muito difícil isso e acredito que seja um resultado claro de amadurecimento. Parabéns novamente e espero que você aproveite muito esse novo ciclo da sua vida ?

    responder
  • Fernanda Ene

    Oi, Clayci. Antes de mais nada, parabéns pelo aniver (mesmo atrasadinho)! Eu já passei dos 34 há alguns anos e hoje já estou mais é perto dos 40, mas eu consegui compreender a essência do teu post, porque às vezes é algo que ainda sinto. Nas últimas semanas, eu tenho pensado muito nesse “chegar lá”, onde o “lá” é nada mais do que um breve futuro que eu idealizo para mim. Ontem mesmo eu estava pensando sobre isso, sobre como eu não posso parar tudo e esperar esse momento chegar para mim, caso contrário eu não vivo o meu aqui e o meu agora. Acho que isso é algo que todo mundo passa com bastante frequência, o “esperar” por algo X acontecer para seguir a vida. Eu estou tentando não viver tanto assim, mas às vezes ainda é difícil. Acho que são momentos também, dias bons e dias ruins, como você falou. De qualquer forma, espero que a gente consiga controlar melhor o nosso tempo e aproveitar cada segundo do nosso agora, da melhor forma que a gente poder, né? Bela reflexão. Adorei.

    Um beijo e um ótimo restinho de semana para você! <3

    responder
    • Clayci Oliveira

      Oi Fe! Amei te ver por aqui <3
      e simmmm que a gente consiga controlar melhor o nosso tempo da melhor forma possível

      responder
  • Camila Faria

    Ah, que post mais lindo Clay! Parabéns pelo seu aniversário e pela sabedoria alcançada. Hahaha! Sério mesmo, não é todo mundo que consegue fazer uma auto-reflexão tão bacana, viu? Que você consiga se encontrar cada vez mais com o passar dos anos. <3

    responder
  • karolini barbara

    Clayci, já falei que amo demais esse cantinho?
    Eu comecei a me descobrir nesses últimos tempos. Entender os lugares que eu gostaria de estar, quem queria em minha vida e o que buscava para o aqui. Esse ano também tenho buscado por novas experiências, lugares e conhecer pessoas.
    Sinto que nesses últimos anos tenho amadurecido muito, e como o tempo passa rápido.
    Tenho hábitos hoje que nunca pensei que teria em alguns anos atrás.

    Blogger | Instagram | Pinterest

    responder
  • Renata Carvalho

    Feliz aniversário atrasado, haha. Que os 34 sejam de mais calmaria, amadurecimento, felicidade e principalmente paz para a sua vida!

    Eu acho admirável de ver em como a idade tem nos mostrado quais são as coisas que realmente importam e quais são aquelas que não valem a nossa menor preocupação. Hoje aos 31 eu dou risada de coisas que eu teria surtado quando era mais nova, haha.

    Beijos,
    Livro de Memórias

    responder
  • Barbara Bueno

    Oi Claicy
    Feliz aniversário atrasado ,desejo tudo de bom para ti.

    Realmente é importante focar no aqui e agora ,pois é nesse momento que podemos fazer algo por nós.
    Mas confesso que apesar de saber disso, eu sou consumida em uma luta contra a ansiedade que tenta adivinhar o futuro e se apavora com a simples expectativas de o amanhã não ser realmente o que idealizo.

    Ainda bem que nós amadurecemos e melhoramos.
    Que aos poucos nos tornemos pessoas mais positivas e leves.

    Amei o seu post

    Beijos

    https://mundinhoquaseperfeito.blogspot.com

    responder
ir ao topo

Buscar no site

Frases do livro: A casa no mar Cerúleo Trechos do livro A sociedade de Atlas Trechos do livro: Mansão Gallant Dark Academia O que é?