Mulheres que você precisa conhecer: 5 livros para ler em 2020

por Clayci
12 comentários

Vamos ler mais mulheres este ano? Separei 5 livros sobre mulheres que você precisa conhecer. Com temas diferentes, mas todos os títulos apresentados ajudam a compreender como a estruturação cultural do papel feminino interfere na maneira como elas suportam e sentem o mundo.

Vitorianas Macabras

Sinopse: Para enaltecer as mulheres ilustres que prestaram uma contribuição formidável à literatura — e reparar a injustiça histórica que por séculos reverenciou apenas os homens —, a DarkSide® Books e a Macabra Filmes orgulhosamente apresentam a antologia Vitorianas Macabras. Organizada em parceria com Marcia Heloisa — doutora em Literatura Comparada na Universidade Federal Fluminense (uff), também responsável pela tradução e já conhecida pelos darksiders por seu exímio trabalho com Bram Stoker e Edgar Allan Poe, na linha Medo Clássico —, a coletânea apresenta treze histórias escritas por autoras que, assim como nós, foram cativadas pelo medo e por tudo aquilo que é sobrenatural. A edição está linda e além dos contos é possível encontrar materiais sobre a Londres no século XIX.

Mulheres que você precisa conhecer: 5 livros para ler em 2020

Calibã e a Bruxa

Sinopse: O livro discorre sobre a violência brutal empreendida contra as mulheres durante a transição do feudalismo para o capitalismo na Europa, e sustenta que a “caça às bruxas” relacionou-se diretamente com criação de um novo sistema econômico, forjado na escravidão, na colonização e na exploração e dominação do corpo e dos saberes femininos. O título da obra faz referência a duas personagens shakespearianas – Calibã e sua mãe, Sycorax, uma bruxa – para simbolizar a dimensão sexista e racista que o capital impõe a quem resiste à sua ordem.

Baseada em uma exaustiva pesquisa documental e iconográfica, e em farta bibliografia, Silvia Federici argumenta que o assassinato de centenas de milhares de bruxas foi, juntamente com a submissão dos povos africanos e americanos, um aspecto fundacional do sistema capitalista, uma vez que designou às mulheres o papel de “produtoras de mão de obra”, obrigando-as, pelo terror, a exercer gratuitamente os serviços domésticos necessários para sustentar os maridos e os filhos homens que seriam usados como força de trabalho do sistema nascente.

Nesse sentido, Calibã e a bruxa apresentam um contraponto ao pensamento de Karl Marx sobre a acumulação, afirmando que, em vez de se tratar de um aspecto precursor do capitalismo, a acumulação seria inerente a ele. O livro dialoga ainda com o de Michel Foucault, a quem critica duramente por não haver levado em conta em sua História da sexualidade a campanha contra o corpo feminino e o extermínio de centenas de milhares de mulheres na fogueira.

Mulheres, Mitos e Deusas

Sinopse: Algumas mulheres conheceram o céu, outras o inferno; umas foram enaltecidas, santificadas, outras demonizadas; todas tocaram as profundezas do próprio ser; chegaram ao limite de sua condição e de seu tempo e se eternizaram na história.

Ao tomar contato com a história e os dilemas vividos por figuras como Afrodite, Cinderela, Simone de Beauvoir e Virginia Woolf, a autora nos guia em uma viagem de resgate da essência perdida ao ressignificar o papel feminino no mundo.

O livro revela uma análise inteligente dos arquétipos, dos mitos e das lendas construídos em torno da mulher, demonstrando como eles acabaram por reafirmar o machismo na cultura ocidental.

Mulheres que você precisa conhecer: 5 livros para ler em 2020

História da Bruxaria

Sinopse: Da feitiçaria antiga aos recentes movimentos neopagãos, a história da bruxaria está nas entrelinhas da própria História. As bruxas são um estereótipo duradouro e mutável na mentalidade coletiva.

Sua tradição, repleta de perseguições e reviravoltas. Com uma trajetória silenciosa. Só que não menos verdadeira e devastadora. História da Bruxaria é o mais abrangente estudo sobre o tema, e o discute de forma lúcida e estimulante, sob diferentes perspectivas.

Os autores examinam a gênese, o auge e o declínio da caça às bruxas e revelam como a bruxaria sobreviveu, ressurgiu, se reciclou e atua na sociedade contemporânea.

Lady Killers – Assassinas em série

Compre: Lady Killers

Sinopse: Quando pensamos em assassinos em série, pensamos em homens. Mais precisamente, em homens matando mulheres inocentes, vítimas de um apetite atroz por sangue e uma vontade irrefreável de carnificina. As mulheres podem ser tão letais quanto os homens e deixar um rastro de corpos por onde passam; Então, o que será que acontece quando as pessoas são confrontadas com uma assassina em série? Quando as ideias de “sexo frágil” se quebram e fitamos os desconcertantes olhos de uma mulher com sangue seco sob as unhas?

Prepare-se para realizar mais uma investigação criminal ao lado da DarkSide® Books e sua divisão Crime Scene®. Esqueça tudo aquilo que você achava que sabia sobre assassinos letais, — perto de Mary Ann Cotton e Elizabeth Báthory, para citar apenas algumas, Jack, o Estripador ainda era um aprendiz.

Inspirado na coluna homônima da escritora Tori Telfer no site Jezebel.com; Lady Killers: Assassinas em Série é um dossiê de histórias sobre assassinas em série; e seus crimes ao longo dos últimos séculos, e o material perfeito para você mergulhar fundo em suas mentes. Com um texto informativo e espirituoso, a
autora recapitula a vida de catorze mulheres com apetite para destruição, suas atrocidades e o legado de dor deixado por cada uma delas.

Mulheres que você precisa conhecer: 5 livros para ler em 2020

Mulheres que você precisa conhecer

Os livros são perfeito para nos inspirar e motivar. As narrativas servem como espelho para o que estamos vivendo. Esses livros destacam as mulheres que você precisa conhecer e que fazem parte da nossa História. Eles são importantes para reconhecer sua voz, seu espaço e a sua importância no mudo. Já leu algum deles? Aceito recomendações de leituras

Você também poderá gostar:

12 comentários

Viviane Almeida 27 de maio de 2020 - 19:03

Eu sempre fico babando nas suas fotos, são perfeitas! Bom, sobre as indicações de livros escritos por mulheres eu tenho dois: História da Bruxaria (físico) e Calibã e a Bruxa (e-book) mas, quero muito comprar Mulheres, Mitos e Deuses para ler ainda esse ano. Seria muito importante se as mulheres lessem mais livros sobre as mulheres e como podemos compreender nossos pontos positivos e negativos, sem tantas neuras, estou lendo e te indico o livro Mulheres que Correm com os Lobos se não leu, leia tenho certeza que irá gostar.

Resenhas da Viviane

resposta
Lucy 7 de abril de 2020 - 21:43

Oi, Clayci! Fotos lindas, como sempre!
Gostei das suas sugestões de leitura, ainda não conhecia nenhuma dessas obras, parecem interessantes. A História da Bruxaria parece ser um dos melhores aí da sua lista!
bjs
Lucy – Por essas páginas

resposta
Fernanda Santos Barroso 6 de abril de 2020 - 19:16

Olá!
Confesso que tenho maior preferência pra livros que tem aquela trama montada em cima dos personagens e menos esses em formato de pesquisa. Por isso, os que eu gostei mais foram Lady Killers, que já estava na minha lista de o da Vitorianas. Acho que seriam os dois livros que me prenderiam. Adorei as dicas!
Abraços

resposta
Debyh 23 de março de 2020 - 14:00

Antes de mais nada que fotos lindas! Alguns livros eu já conhecia como o Lady Killers, e a História da Bruxaria lerei em breve nunca li nada do tipo então to bem interessada. Já Mulheres, Mitos e Deusas não me interessa tanto, talvez por eu já ter lido muita coisa de mitologia nessa minha vida hehehe.

resposta
Luana Souza 21 de março de 2020 - 17:02

Lady Killer é um livro incrível! Espero que a autora lance logo novos livros sobre o assunto… inclusive, acho que ela escreveria uma história fictícia maravilhosa sobre uma mulher que também é uma assassina! <3
Estou com Vitorianas Macabras aqui para ler. A curiosidade está grande, e ele é muito lindo!
No mais, por conta das suas palavras me interessei por todos os livros citados 🙂

resposta
viviane 14 de março de 2020 - 14:02

Olá Clayci, que seleção bacana de livros. Conhecer mesmo, só conheço “Lady Killers” que está nos meus desejados desde que lançou, os outros não conhecia, mas achei muito interessantes, destaque para “História da Bruxaria”, tema que me traz bastante fascínio e um certo receio de ler. Ótimo post.
Bjos
Vivi
Blog Duas Livreiras

resposta
Thami Sgalbiero 13 de março de 2020 - 00:31

Esse seu post teria sido perfeito se eu tivesse encontrado em 2018 enquanto escrevia minha monografia, haha! Falei um capítulo inteiro sobre feminismo e precisava de muitas obras nesse estilo mesmo. Nossa, principalmente esse Mulheres, Mitos e Deusas. Li Simone de Beauvoir e Virginia Woolf, amei! Acho que inclusive vou ver se compro esse na versão e-book pra ler no Kindle, gostei da sinopse! Aaaa lembro que vi a resenha desse Lady Killers em algum blog e fiquei muito afim de ler. Lembrei agora e já movimentei ele na lista de compras, haha! Lembro que vi o filme As Sufragistas e me ajudou muito também! Tá aí uma dica boa pra post (caso ainda não tenha feito), filmes dirigidos por mulheres pra gente assistir (se tiver na Netflix, melhor ainda).

resposta
Clayci 13 de março de 2020 - 08:21

Esse filme sufragistas me ajudou muito na compreensão do feminismo.
Fiquei chocada com a obra! <3

resposta
Dai Castro 12 de março de 2020 - 20:37

Amiga acrescentaria nessa lista Mulheres que Correm com os Lobos, eu ainda não li mas achei a proposta do livro muito boa!
Dessa sua listinha, quero muito ler A História da bruxaria já que estou muito nessa vibe 🙂 haha
Beijos

resposta
Clayci 13 de março de 2020 - 08:21

Eu acho que você vai gostar, viu?
Ele mostra meio em uma “linha do tempo” e tem ilustrações incríveis

resposta
Lívia Alli de Alcântara Madeira 12 de março de 2020 - 18:27

Calibã e a Bruxa ja ta na minha TBR faz um tempo,amei conhecer os outros livros tbm e já quero ler!!

http://www.tofucolorido.com.br
http://www.facebook.com/blogtofucolorido

resposta
Clayci 13 de março de 2020 - 08:21

Fico tão feliz que tenha se interessado <3

resposta

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Aceitar

Privacidade