Livros


O Circo da noite – Erin Morgenstern
alguns livros conseguem tocar sua alma de uma forma inusitada.

Já adianto que O Circo da Noite entrou para a minha lista de livros favoritos. O Mar sem estrelas foi uma leitura que me permitiu imaginar qual seria a minha reação ao encontrar um livro com a história da minha vida. E o circo da noite, tão poético quanto, fez com que eu sentisse a magia presente em cada página. É maravilhoso pensar em como alguns livros conseguem tocar sua alma de uma forma tão inesperada.

As pessoas veem o que desejam ver. E, na maioria dos casos, veem o que lhes dizem que estão vendo.

o circo da noite

A imaginação da autora é contagiante. É visível que a Erin escreve com o coração e posso dizer sem medo, que este livro precisa, acima de tudo, ser sentido. Eu me apeguei aos personagens e me encantei com a descrição do circo e dos significados presentes nele. Sem dúvida, já quero reler.

O Circo da noite - Erin Morgenstern
O circo chega sem aviso

Então, essa resenha será um pouquinho diferente das demais. Não vou falar muito da história, pois acredito que a sua experiência só será completa se você não souber de todos os detalhes. De forma resumida: Celia e Marco foram treinados desde crianças para um propósito específico. Em algum momento, eles serão desafiados e apesar das regras não serem reveladas – pelo menos logo de cara- eles terão que jogar. A trama se estende por muitos anos e nesse período, vamos conhecer e acompanhar o surgimento do circo, assim como a evolução dos personagens.

Estou farta de sustentar coisas que não podem ser sustentadas. De tentar controlar o que não pode ser controlado. Estou farta de negar a mim mesma o que desejo por medo de quebrar coisas que não posso consertar. Elas vão quebrar independentemente do que eu fizer.

O circo da noite

Explicar o Circo da noite é complicado. No início eu me senti confusa com a quantidade de personagens, assim como a inserção de simbologias na história. Acredito que a forma mais justa de descrevê-lo seria como se fosse um quebra-cabeça. Pois, à medida em que você vai se envolvendo, consegue entender a importância de cada nome e tudo começa a fazer sentido. As peças simplesmente se encaixam!

O Circo da noite - Erin Morgenstern

Le Cirque des reves

Sei que falando assim parece ser um livro confuso, porém não é! O que pode incomodar é o ritmo da leitura. Cada capítulo se passa em uma época e local diferente e isso requer um pouquinho da atenção do leitor. Mas isso não me desagradou nem um pouco, pois a minha experiência com o Mar sem estrelas foi tão maravilhosa, que eu simplesmente não queria que o circo da noite acabasse.

E apesar de não ser muito fã de circos, posso dizer sem medo que me apaixonei pelos detalhes de cada atração. Deu vontade de sair destacando vários trechos, pois parecia que a autora estava conversando diretamente comigo. Não tem um personagem que não seja marcante; me interessei pela vida e pelo futuro de cada um deles.

As histórias mais verdadeiras exigem tempo e familiaridade para se tornar o que são.

o circo da noite

Terminei a leitura pensando em inúmeras possibilidades e me lamentando por não ser um local real. Me apaixonei por Bailey, Poppet e Widget e queria abraçá-los. Então, se você está procurando um livro para amar, acho que esse é perfeito.

Trechos que me marcaram

Os melhores prazeres são sempre os inesperados.

Segredos têm poder – diz ele enfim. – E esse poder diminui quando são compartilhados, então é melhor guardá-los, e guardá-los bem. Se você compartilhar segredos, segredos de verdade, os importantes, com qualquer outra pessoa, eles mudam.

O passado gruda nas pessoas como açúcar nos dedos. Alguns conseguem se livrar dele, mas ainda estão lá, os eventos e as coisas que levaram a pessoa a ser como é agora.

Nossos instrutores não entendem como é – explica ela. – Estar conectado a uma pessoa de tal forma. Estão velhos demais, desconectados demais das próprias emoções. Não se lembram mais como é viver e respirar dentro do mundo. Acham que é simples jogar duas pessoas quaisquer uma contra a outra. Nunca é simples. A outra pessoa se torna como você define sua vida, como se define a si mesmo. Ela se torna tão necessária quanto o ar.

Isso não é magia. É o que o mundo é, só que pouquíssimas pessoas param para notar. Olhe ao seu redor – diz, acenando para as mesas no entorno. – Nenhum deles faz a mínima ideia das coisas que são possíveis neste mundo e, o que é pior, nenhum deles ouviria se você tentasse esclarecê-las. Querem acreditar que a magia não é nada além de um truque habilidoso, porque pensar que é real os manteria acordados a noite, com medo da própria existência.

Compre na Amazon

O circo da noite

Erin Morgenstern

Autoria:
Erin Morgenstern

Editora:
Morro Branco

Páginas:
448
O circo chega sem aviso… Simplesmente está lá, quando ontem não estava. Contra o céu cinza pairam tendas colossais listradas de preto e branco. Um aviso pendurado acima dos portões diz: Abre ao cair da noite Fecha ao amanhecer Quando os últimos raios de sol desaparecem do céu, pequenas luzes começam a tremular em meio às tendas, como se todo o circo estivesse coberto de vaga-lumes. Quando as tendas estão todas iluminadas, brilhando contra o céu noturno, a placa se revela: Le Cirque des Rêves O Circo dos Sonhos
Os portões de ferro estremecem e se abrem, como se por vontade própria. Abrindo-se para fora, convidam a multidão para dentro. Agora o circo está aberto. Agora você pode entrar.

newsletter receba novidades

Receba atualizações do blog por email

veja também

  • Maggie O'Farrell conseguiu me destruir

    Livros

    Hamnet – um livro que me fez chorar até soluçar

    Por

  • a princesa de Creta, desejada por homens e deuses... e irmã do temível Minotauro

    Livros

    Ariadne – Jennifer Saint

    Por

  • Quando a escuridão é convidada a entrar, imediatamente os problemas virão atrás dela

    Livros

    Reino das bruxas – Kerri Maniscalco

    Por

comentários

  • Renata Carvalho

    Eu me lembro que na época que esse livro foi lançado, muitas pessoas falavam que não gostaram, mas não deram maiores explicações. Agora com a sua resenha, não sei se as pessoas realmente não gostaram ou se simplesmente não entenderam (porque não quiseram ou porque ficaram com preguiça, visto que ele é complexo). Me pareceu ser uma leitura bem profunda e reflexiva.

    Beijos,
    Livro de Memórias

    responder
  • Lizzie

    Esse livro parece ser realmente maravilhoso, ainda mais com essas citações incríveis. Eu amo livros que possuem citações assim.

    responder
  • karolini barbara

    Clayci,
    Estou novamente sendo influenciada por você mulher.
    Eu já quero ler esse livro e me encantar com o circo da noite.

    responder
  • Fran Borges

    Oi Clayci, como sempre, lindas fotos. Amei a George Eliot ali no canto e como estou lendo Middlemarch me chamou logo a atenção. Esse livro sempre me despertou curiosidade, confesso que tenho mais vontade de ler este do que O mar sem estrelas. Esse ambiente de Circo, essa disputa entre os dois personagens e a magia me chamam a atenção. Adorei que você contou pouco da história. Concordo que muitos livros é assim mesmo que a gente precisar entrar, sem saber quase nada.
    Beijo
    Fran

    responder
ir ao topo

Buscar no site

plugins premium WordPress
Tatuagem Literária: A vida invisível de Addie LaRue Frases do livro: A casa no mar Cerúleo Trechos do livro A sociedade de Atlas Trechos do livro: Mansão Gallant