Lady Killer (Vol.2) – Joëlle Jones (Josie Schuller está mais sanguinária do que nunca)

por Clayci
0 comentário 18 visualizações

Eu gostei tanto do primeiro volume de Lady Killer, que foi difícil controlar a ansiedade e aguardar o lançamento do segundo. Josie Schuller é uma esposa dedicada, mãe amorosa, cozinheira de mão cheia e uma excelente companhia. São tantas qualidades que fica difícil suspeitar de suas ações. Mas existe um pequeno detalhe – que a impede de ser a representação ideal de uma dona de casa nos anos 60 é uma assassina nas horas vagas.

No volume anterior, depois de toda aquela bagunça na feira, Josie abriu mão do grupo que a contratou como assassina profissional. Ela e sua família se mudaram para a Flórida e agora ela está trabalhando por conta própria. O problema é que ao assumir essa nova vida, Josie encontra dificuldades para manter a sua dupla personalidade. Se antes ela tinha apoio em seus trabalhos, agora é preciso fazer tudo sozinha – inclusive a limpeza da área. E a autora realmente mostra a dificuldade de Josie ao ter que lidar com o serviço sozinha, pois vemos seu aperto ao tentar carregar os corpos maiores que o dela.

Lady Killer (Vol.2) - Joëlle Jones (Josie Schuller está mais sanguinária do que nunca)

Existem sete regras para você gerenciar seu próprio negócio.
Um: Perseverança é essencial. O preço do sucesso é trabalho duro, então mesmo que você perca ou ganhe, você pode se orgulhar de ter feito o melhor que podia.
Dois: Aprenda com os seus erros. Veja além da falha, é assim que você evolui.
Três: É preciso dar pequenos passos para criar o seu negócio. Comece com o que você tem, e construa o que você precisa.
Quatro: Esteja sempre preparada.
Cinco: Tenha as ferramentas certas para o trabalho, mas acima de tudo…
Seis: Não tenha medo de sujar as mãos. E por último…
Sete: Confie em seus instintos.

Lady Killer – Vol. 2

mais sanguinária do que nunca…

Durante um trabalho, Josie foi surpreendida com a presença de Irving. Sua presença sombria oferece ajuda para limpar a área e se livrar dos corpos, tudo isso em troca de uma pequena comissão. No começo parecia ser uma boa saída, afinal, Josie precisava de tempo para se dedicar a sua família, porém, ela não fazia ideia de que o aparecimento de Irving transformaria sua vida em um inferno.

Preciso confessar que gostei mais desse volume do que do anterior. Temos um pouco do passado de Josie e fica mais fácil compreender as suas ações. Sem falar que o relacionamento complicado com a sua sogra ganha novos conflitos. Mama Schuller esconde muitas coisas sobre seu passado e agora que sabe sobre a personalidade da nora, fará de tudo para mostrar onde ela está se metendo e afastá-la do seu filho.

Lady Killer (Vol.2) - Joëlle Jones (Josie Schuller está mais sanguinária do que nunca)

Lady Killer é a desconstrução do papel da dona de casa. Essa graphic novel contém muito sangue, ação e um humor característico da época. Josie gosta do que faz e, ainda que dedicada e talentosa, sofre por ser mulher. Ela não brinca em serviço, mas tem que tolerar o assédio sexual, além daquela discussão sobre o direito da mulher trabalhar com o que quiser.

Teve uma reviravolta que eu não estava esperando no final e agora fiquei aqui, na expectativa por uma sequência. Será?

Lady Killer #2 Book Cover Lady Killer #2
Joëlle Jones
Darkside Books
144

osie Schuller é uma esposa dedicada, uma mãe amorosa e... uma assassina de aluguel. Capaz de equilibrar os deveres de uma típica dona de casa norte-americana dos anos 1960 com vários assassinatos a sangue-frio, ninguém desconfia que ela leva uma vida dupla.

Após as perseguições e imprevistos do primeiro volume, Josie decide se mudar com a família para Cocoa Beach, na Flórida, onde as coisas continuam mais ou menos como era antes: Josie vende Tupperware, cuida da família e vai colecionando alguns cadáveres pelo caminho.

A única diferença é que, agora, ela está trabalhando sozinha. Fazer vítimas continua fácil, o problema é cuidar da bagunça depois. Então, quando uma figura do seu passado aparece com uma proposta de parceria, Josie não consegue recusar. Mas há muito mais em jogo do que uma cena do crime sangrenta para limpar…

Joëlle Jones continua sua criação matadora que ganhou o coração dos leitores da DarkSide® Books. No segundo e último volume de Lady Killer: Graphic Novel Vol. 2, Jones exibe seu talento e deixa os leitores boquiabertos: seu traço está ainda mais violento, impressionante e expressivo, e a história, cheia de nuances e momentos inesquecíveis.

Você também poderá gostar

Deixe um comentário