Tea time


Como ler mais: 6 dicas para tornar a sua leitura mais efetiva

Como ler mais: 6 dicas para tornar a sua leitura mais efetiva

Vocês gostam de ler? Já faz um tempo que estava querendo fazer uma publicação falando sobre a minha rotina de leitura, mas não sabia por onde começar. Então, vou começar sendo sincera: não faz muito tempo que adquiri esse hábito. Eu gostava de ler quando era criança, contudo não fazia isso com frequência. E esse ritmo de leitura só mudou quando entrei no colegial, já que vários professores incluíam obras clássicas nos trabalhos que pediam.

Mas é claro que eu lia com aquele sentimento de obrigação. Sabia que precisava concluir a obra para conseguir nota e muitas vezes não dava a devida atenção para a história. Anos se passaram e com a chegada da faculdade surgiram as leituras técnicas. Aquelas que você lê, relê e não entende quase nada, sabe? Com professores que exigiam a leitura com um curto prazo, enfim, vivi o inferno astral por alguns anos.

Só fui me interessar por ficção mesmo, há uns 6 anos atrás. Já li vários gêneros literários desde então (assim como abandonei vários livros) e no início eu lia muito devagar. Eu lia apenas nos intervalos que tinha no meu antigo emprego, ou seja, levava uns 2 meses para concluir uma leitura de 300 páginas aproximadamente. Mas isso não me desanimava! Dificilmente eu ia até uma biblioteca ou livraria; para vocês terem ideia, eu comprava livros em revistas (aqueles de edições econômicas, sabe?).

O meu ritmo foi aumentando com o tempo! Quanto mais eu lia, aumentava não só o meu vocabulário como também a minha curiosidade para pesquisar determinados assuntos. E quando dei por mim, já estava lendo mais de 60 livros por ano – coisa que a Clayci de anos atrás não imaginaria fazer. É claro que existem pessoas que conseguem ler mais livros do que eu por mês, porém estou satisfeita com o meu ritmo e por isso quero compartilhar algumas dicas para você que deseja ler mais.

Como ler mais: 6 dicas para tornar a sua leitura mais efetiva

1) Procure assuntos e gêneros que você se identifique

Fica muito mais fácil quando escolhemos uma história com elementos que gostamos. A sinopse está aí pra isso! Leia para identificar sobre o que se trata o enredo e se puder procure opiniões sobre a obra em sites como o skoob, blogs e Youtube. Se você curte romances de época, por exemplo, não sentirá dificuldades para concluir a leitura já que estará familiarizado com a época em que o autor/autora trabalhou na trama.

Mas se você começar com um gênero que não está habituado, russos por exemplo, é quase certo que você abandonará o livro ou que enrolará para conclui-lo. Eu sempre digo que é importante sair da zona de conforto e dar oportunidade para outros tipos de trabalho, mas deixe para fazer isso quando você se sentir mais à vontade e confortável com as suas leituras.

Outra coisa que pode te ajudar também é ler clássicos infantis que você já conhece. Por ter uma linguagem mais acessível e ser dedicado para um público mais jovem, esse tipo de livro pode te ajudar a aumentar o seu ritmo de leitura.

2) Defina o melhor horário e local para ler

Hoje eu leio em qualquer horário e em qualquer local porque consigo me concentrar na história, mas no início eu me sentia à vontade quando lia a noite. O silêncio me ajudava a entrar na trama! Então se você quer ter uma leitura mais efetiva, é importante que você defina um espaço e um horário para te ajudar a se concentrar.

Se você não puder ler a noite, experimente acordar meia hora mais cedo. Ler logo pela manhã pode te ajudar a esquecer um poucos dos problemas e o estresse que você vai encarar durante o dia. Com o tempo você vai perceber que qualquer lugar é ideal para ler. Hoje eu leio no ônibus, no metrô, na fila e isso me fez lembrar da próxima dica…

3) Leve um livro com você

Não precisa ser uma calhamaço, pode ser aqueles de bolso mesmo. Eu sempre carrego um na minha mochila e paro pra ler em situações em que preciso sentir que o tempo está passando. Leio em trajetos de ônibus, filas, espera de atendimento, viagens, enquanto a pessoa que estou esperando não chega e por aí vai.

4) Crie uma meta

Mas crie uma meta realista! Algo que você consiga cumprir. Por exemplo, se o livro for extenso e os capítulos longos tente ler um por dia. Aos poucos você vai aumentando o ritmo e criando novos desafios para alcançar. Gosto de cronometrar as minhas leituras, dedico sempre uma hora por dia para ler. Há vários aplicativos que podem te ajudar nessa função e até mesmo o cronometro do seu celular. E por falar em celular, tente se desligar dele nesse período. É tentador ver as notificações subindo na tela, mas isso faz com que você perca a concentração e até mesmo o interesse pela leitura. Por isso, fique offline por alguns minutos e aproveite a história.

5 livros para ler antes dos 30

5) Participe de maratonas literárias e encontros de leitores

Eu comecei a participar de maratonas literárias há uns 2 anos atrás. Algumas pessoas acabam se empolgando e colocando vários livros na lista de leitura; e é claro que nem sempre conseguem cumprir a meta. Não faça isso! O intuito da maratona é fazer com que você leia mais, mas no seu ritmo. 

Gosto das maratonas porque é possível interagir com as pessoas que estão na mesma situação que você, além de pegar dicas de novos títulos e autores para conhecer. Há vários tipos de maratonas literárias e tem grupos tanto no Facebook quanto no Instagram que promovem eventos esporadicamente. Então fique de olho, pois pode surgir uma maratona de inverno, férias, feriados e por aí vai.

Também há encontros de leitores e acho isso maravilhoso. Esses encontros podem te ajudar a fazer novas amizades, além de discutir sobre as leituras que vocês fizerem. Algumas editoras acabam promovendo esse tipo de evento, porém é possível encontrar pelas redes sociais também.

Como ler mais: 6 dicas para tornar a sua leitura mais efetiva

6) Use a tecnologia a seu favor

Sei que estou dando essas dicas em uma época em que temos redes sociais, Netflix e  outros tipos de entretenimento. Mas se você quer melhorar o seu hábito de leitura, você pode usar a tecnologia a seu favor. Várias das séries que você gosta de assistir, por exemplo, são adaptações literárias. Então que tal ler a versão original?

Também é possível ouvir os livros com os audiobooks. Ideal para escutar em situações em que você não consegue parar pra ler (transporte público, academia, etc). Temos os leitores digitais que você pode carregar pra qualquer lugar, além de te ajudar a ler livros maiores (sem ter que carregar peso) e geralmente, por ser uma versão digital, os livros são mais baratos nesse formato.

Vamos começar a ler? O importante é você ter em mente que não importa a sua idade, o estilo de livro que você curte e a versão que você irá ler. Apenas leia! Nem que seja 5 minutos ou poucas páginas por dia! Quando realizamos uma leitura, por prazer, desenvolvemos a imaginação, enriquecemos o vocabulário, e aprendemos linguagens diferenciadas.

Salve esse pin para você não se esquecer dessa publicação e ajudar a compartilhar o meu trabalho <3

Como ler mais: 6 dicas para tornar a sua leitura mais efetiva

Tem alguma dica pra dar para quem está entrando no universo literário?

newsletter receba novidades

Receba atualizações do blog por email

veja também

  • Parei de querer “chegar lá” e decidi investir no “aqui

    Tea time

    O que a vida me ensinou nesses 34 anos

    Por

  • É melhor ser inteligente ou permanecer na ignorância?

    Livros

    Flores para Algernon: o melhor livro de todos os tempos

    Por

  • O que ninguém te conta sobre "ser a sua melhor versão todos os dias

    Tea time

    O que Encanto me ensinou sobre burnout

    Por

comentários

  • Larissa Xavier

    Olá
    Eu gostei muito das dicas.
    E eu já faço muito essas dicas e o meu ritmo de leitura aumentou com o blog e por seguir algumas dicas como essa.

    responder
  • Rosana

    Melhores dicas! Totalmente apoio a ideia de audiobook. Quando preciso sair de casa e ir trabalhar, audiobook é o que me salva. Às vezes não consigo ler no ônibus e ao invés de ouvir música, eu vou no livrinho… Muito mais prático. Se você lê em inglês, recomendo o app/site Scribd, é barato e você pode ouvir e ler quantos livros quiser, é ilimitado. O Audible é por crédito e acho meio caro também. Mas é.. Audibook é vida mesmo! Levar um livro sempre com você ajuda muito também =D

    responder
    • Clayci

      Amiga eu preciso treinar o meu inglês, então acredito que esse app me indicou será muito útil pra mim

      responder
  • Hanna Carolina Lins de Paiva

    Oi Clayci! Estou para fazer um post exatamente falando sobre isso, acredita? kkkk Enfim, acho que são dicas super valiosas, principalmente para quem tem uma vida corrida como nós. Eu sempre tenho um livro ou meu kindle na mochila, ainda mais porque levo um bom tempo no trajeto de casa/faculdade. Então é o melhor momento para ler. E antes de dormir me ajuda a relaxar e pegar no sono mais fácil. Então ler se tornou um hábito que não largo… Acho super legal falar do gênero que você gosta. Até porque sempre pensei que as pessoas que não gostam de ler, foi porque não acharam o gênero certo ainda… rs
    Bjks!

    Mundinho da Hanna

    responder
    • Clayci

      Faz o post simmm <3
      E concordo com vc, é só encontrar o gênero certo para iniciar a paixão pela coisa hahahahahah

      responder
  • Caverna Literária

    Oi, Clayci!

    Adorei o post e as dicas! Ler obrigado não dá mesmo. Eu também nunca fui ligada em livros quando criança, porque a maioria que eu lia eram da escola, e daqueles que todo mundo sabe que não desperta muito o interesse da criança, mas então eu fiz amizades pela internet que por um acaso gostavam de livros e foi aí que eu entrei nesse mundo, através de Crepúsculo, que na época era febre hahaha. É mesmo muito importante ler gêneros que curte, em local e horário favorável, e cumprir metas também estimula bastante a manter o foco e até aprender a ler numa velocidade mais rápida. Dicas super válidas as suas!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com

    responder
    • Clayci

      Eu não me engracei por crepúsculo, mas minha irmã AMA e foi dessa forma que ela entrou pra esse mundo literário *_*

      responder
  • Bruna Morgan

    o que eu amo fazer é levar os livros no ônibus, metrô, trem, avião hauhau tudo! Assim me distraio e posso mergulhar na leitura enquanto não chego no destino. Já terminei muitos livros assim!

    responder
    • Clayci

      Também adoro!
      O tempo passa mais rápido e de uma forma prazerosa <3

      responder
  • Amanda

    Ah, que amor o teu cantinho! Eu amei as dicas e esse post é daqueles que é de utilidade pública, até favoritei aqui. Ter um livro na bolsa sempre faz toda a diferença mesmo, hahahah.

    Beijos, quebrarosilencio.blogspot.com ?

    responder
    • Clayci

      Muito obrigada Amanda!
      Fico tão feliz em saber que gostou do meu espaço <3

      Amo carregar um na bolsa hahaha
      Beijos

      responder
  • Cris

    Oi Clayci tudo bem? Adorei suas dicas e carrego meu livro junto para onde eu for kkk, me chamam de viciada mas não estou nem aí, melhor que ficar olhando vida alheia isso é o que digo. Já li mais de 140 livros no ano, mas agora com o blog, resenha e tudo mais chego a 100 bom demais. Vou passar suas dicas para quem está começando, bjs!

    responder
    • Clayci

      Eu estou bem e você? =D
      Ahhh que sonho =D
      Eu não consigo aumentar o meu ritimo de leitura por enquanto por conta de uns projetos, mas ainda quero focar para chegar numa meta parecida com a sua hahahah <3

      Obrigada

      responder
  • Camila Faria

    Oi Clay! Eu leio muito no dia a dia. Tenho um ritmo bem intenso, apesar de ler basicamente à noite (antes de dormir) e na hora do almoço. Acho que quando a gente pega o hábito de ler, fica difícil deixar passar um dia sem uma leiturinha. É viciante! 🙂

    Um beijo!

    responder
    • Clayci

      Não tem coisa melhor, né?
      Ler é maravilhoso.

      Muito obrigada Ca.
      Beijos

      responder
  • Hidaiana Rosa

    Que post mais amor, Clayci! Amei o painel de lambe lambe da Bienal e foi muito boa a sacada de usar esta foto 🙂
    Eu amo ler e não gosto quando somos cobrados para ler compulsivamente. O seu texto incentiva uma leitura por amor.
    Adorei.
    Beijo,

    Hida

    http://www.blogdahida.com

    responder
    • Clayci

      Também odeio ler por pressão.
      Traumas da adolescência.
      Acho que cada um tem que ir no seu ritmo e seu tempo, o importante é ler.

      Muito obrigada pelo comentário <3
      Beijo

      responder
  • Fernanda N

    Oie, Clay! Eu sempre fui apaixonada por livros, mas nunca consegui me organizar com o tempo para ler mais de 5 livros por ano (por conta do colégio, depois faculdade, depois trabalho com longas horas, depois pós-graduação e por aí vai)… Ano passado, eu estava trabalhando longe de casa e acabei pegando o hábito de ler no metrô e no ônibus e sempre levar um livro na bolsa. Com a minha meta setada no GoodReads e essa situação do trabalho, eu consegui bater todos os meus recordes da vida e li 28 livros em 2017 (ficou faltando 2 para alcançar a meta). Este ano, coloquei a meta de 20 livros até o final de dezembro, porque eu também sou viciada em seriados e filmes, então preciso dividir o meu tempo com os outros hobbies… Hehehe! Eu amo escrever e tenho intenção de publicar alguns livros anter de bater as botas, então a leitura me ajuda muito neste sentido… Leio quase tudo em inglês, então os livros me ajudam também com o idioma — já que estou morando em Toronto e fazendo outra faculdade por aqui… Enfim, suas dicas são ótimas! Apesar de já seguir quase todas, acho que preciso melhorar a questão de ter um horário “fixo” para engatar nas leituras… Para mim, é mais comum no final de tarde e noite e precisa ser em algum lugar calmo, sem muito barulho, de preferência… Mas preciso criar a rotina, como você falou, e talvez — um dia — eu consiga ler tanto quanto você… Adorei seu blog! Beijos <3

    responder
    • Clayci

      Nossa…fica difícil conciliar com tudo, né?
      Eu estou com várias séries atrasadas hahahah e olha vc leu bastante ano passado.. Pela quantidade de coisa que vc faz, foi muito bem produtivo.

      E estou aqui torcendo para vc conseguir publicar seu livro logo *_*
      Preciso ler mais livros em inglês, justamente pra treinar o idioma.
      Tem alguma recomendação para me dar?

      responder
Mais comentários
1 2 3

newsletter receba novidades

Receba atualizações do blog por email

veja também

  • Parei de querer “chegar lá” e decidi investir no “aqui

    Tea time

    O que a vida me ensinou nesses 34 anos

    Por

  • É melhor ser inteligente ou permanecer na ignorância?

    Livros

    Flores para Algernon: o melhor livro de todos os tempos

    Por

  • O que ninguém te conta sobre "ser a sua melhor versão todos os dias

    Tea time

    O que Encanto me ensinou sobre burnout

    Por

ir ao topo

Buscar no site