Filmes & Séries


Dash & Lily: 3 motivos para maratonar a série

Dash & Lily era a série que eu precisava para descansar a cabeça: com clima de natal, leve, divertida e episódios curtos. A série foi baseada no livro O Caderninho de Desafios de Dash & Lily, de David Levithan e Rachel Cohn. Ela está disponível na Netflix com 8 episódios.

Já pensou em ter um encontro em uma livraria? Bom, posso dizer que já realizei esse desejo, pois conheci o Di em uma. Mas combinamos de nos encontra lá; já em Dash e Lily, apesar da trama começar dentro de uma, eles não sabiam nada um do outro.

Dash & Lily

Dash & Lily: 3 motivos para maratonar a série

Eu não tenho história de amor. E não tem problema. Não preciso ter uma. Eu tenho o Natal.

Dash & Lily

Lily (Midori Francis) sempre foi apaixonada pelo clima natalino. Ela gosta de decorar a casa, visitar as lojas nessa época e ter a família reunida. Só que pela primeira vez, ela passará o Natal sem os seus pais. E sem nunca ter vivido um romance, decide seguir o conselho do seu irmão e deixa um caderno com desafios em sua livraria favorita. Lily não acreditou que alguém fosse encontrá-lo, mas caso isso acontecesse, a pessoa precisaria seguir todos os desafios para, quem sabe, ser o seu amor verdadeiro.

Dash (Austin Abrams) foi o “sortudo” que encontrou este caderno. No entanto, ele é oposto de Lily! Dash não acredita na magia do Natal, até encontrar esses desafios. Ele não gosta de aglomeração, nem de nada que tenha “cara” de natal. E tudo começa com um jogo, mas o interesse entre eles crescem a cada novo desafio. Já sabemos do desfecho, assim como já imaginamos os desafios. Entretanto, foi tão bom acompanhar os dois, que fiquei querendo mais…

3 motivos para maratonar a série

1 A série é perfeita para quem ama ou “odeia ‘o natal

É claro que eu faço parte do time da Lily, pois amo essa época do ano. Assim como a personagem, gosto de decorar a casa, me dedicar na culinária e nas tradições natalinas. É uma pena não ter neve e nem sempre conseguir reunir a família; mas acho essa época tão mágica e inspiradora que faço de tudo para criar esse clima na minha casa. No entanto, se você não curte as festividades, poderá se identificar com a visão de Dash. Ele é uma versão bonitinha do Grinch! Seus pais são divorciados e por isso, ele resolve mentir sobre onde passará o natal, pois quer ficar sozinho e se livrar desse clima natalino.

2 Representatividade LGBTQ+

Dash & Lily: 3 motivos para maratonar a série

Além de Lily, fiquei encantada com o seu irmão mais velho. Devido a uma desilusão amorosa, Langston abandona o seu curso na faculdade e deixa o seu avô triste por essa escolha. Gostei da forma com que a relação com o seu namorado foi tratada: com naturalidade (como deveria ser). Os irmãos fazem parte de uma família conservadora, mas a sexualidade deles é o que menos importa.

3 Já falei que tem Jonas Brothers?

Dash & Lily: 3 motivos para maratonar a série

Se você disser que superou Joe, Nick e Kevin, estará mentindo. Nick Jonas faz parte da produção executiva de Dash & Lily. Até esqueci da minha idade, quando eles apareceram na série. Fiquei empolgada e com aquele sentimento nostálgico que só a Disney Channel conseguia causar. E além do Jonas Brothers, a música Underneath the Tree da Kelly Clarkson faz parte da trilha sonora e não saiu da minha cabeça

It just wasn’t the same
Alone on Christmas day
Presents, what a beautiful sight
Don’t mean a thing if you ain’t holding me tight
You’re all that I need
Underneath the tree

Underneath the tree- kelly clarkson

Vale a pena assistir e se apaixonar pela série.

Trailer de Dash & Lily

newsletter receba novidades

Receba atualizações do blog por email

veja também

  • e já estou com saudades

    Filmes & Séries

    Os filmes que assisti no mês do Halloween

    Por

  • Filmes que vão deixar o seu coração quentinho

    Filmes & Séries

    5 filmes de romances natalinos pra deixar o seu coração quentinho

    Por

  • Entrando no clima de Halloween

    e aproveitar o clima

    Filmes & Séries

    Filmes para assistir no Halloween

    Por

comentários

  • Aline Amorim

    Também faço parte do time da Lily, amo essa época natalina, cheia de brilho e festividades.
    Eu achei a série muito boa, bem levinha e gostosa de assistir.
    Beijos

    responder
ir ao topo

Buscar no site

plugins premium WordPress
Tatuagem Literária: A vida invisível de Addie LaRue Frases do livro: A casa no mar Cerúleo Trechos do livro A sociedade de Atlas Trechos do livro: Mansão Gallant