Tag Archives Comportamento

Olá! Eu sou a Clayci.

Olá! Eu sou a Clayci.

Moro em São Paulo, e trabalho com fotografia. Sou whovian, sherlockian e slytherin. Apaixonada por livros e miniaturas. Existe uma frase que consegue me descrever perfeitamente bem: “Quando acordei hoje de manhã, eu sabia quem eu era, mas acho que já mudei muitas vezes desde então“ (Alice no País das Maravilhas).

Você%20já%20sentiu%20vontade%20de%20abandonar%20uma%20leitura?Você já sentiu vontade de abandonar uma leitura?

Você já sentiu vontade de abandonar uma leitura?

por Posted on 61 Comments 3 min leitura 148 visualizações

Olá como vocês estão? Hoje eu tirei o dia para limpar a minha estante e um dos meus objetivos era me desapegar de alguns livros que estavam encostados por aqui. Fui separando os livros por categorias (lidos, não lidos e não terminados) e me dei conta de que a pilha de livros não finalizados era a maior. Você já sentiu vontade de abandonar uma leitura? É incrível como o meu gosto literário mudou muito nos últimos dois anos. Sempre que encontrava alguma resenha de romance de época, por exemplo, ficava com vontade ler, pois era o meu gênero favorito. Eu até tentei! Comprei alguns livros em promoção com a expectativa de retornar essa paixão, contudo não consegui finalizar nenhum deles. Tinha alguns que não consegui nem chegar na metade e estavam ali me esperando. Então, foi com muita dor no coração que decidi passá-los para frente. Não sei se vocês são assim, …

Como%20anda%20sua%20imagem?%20Já%20olhou%20para%20dentro%20de%20si%20hoje?Como anda sua imagem? Já olhou para dentro de si hoje?

Como anda sua imagem? Já olhou para dentro de si hoje?

por Posted on 39 Comments 2 min leitura 1226 visualizações

[penci_blockquote style=”style-2″ align=”none” author=””] Hoje a publicação será um pouquinho diferente. Convidei meu amigo e psicólogo Leonardo Lima para conversar com vocês. Se gostarem do conteúdo, não deixem de comentar, porque assim ele aparecerá mais vezes por aqui. [/penci_blockquote] Já olhou para dentro de si hoje? Aquilo que me é estranho, que não consigo identificar no outro, é muito mais íntimo de mim do que realmente suponho, seja para o bem, seja para o mal. Assim o estranho se transforma por um processo de projeção, ao não se reconhecer em si aquilo que vê no outro, seja por manifestar-se em nível inconsciente, seja por um julgamento social, que passa pela defesa, pelo crivo de um forte e inescrupuloso superego. O que é na verdade meu, se torna parte do outro, pois deposito nele, e assim o julgo e passo a vê-lo, repleto daquilo que é meu. Quão mais fácil é tornar concreto …

{Tag}%20Livros%20Esteticamente%20Agradáveis{Tag} Livros Esteticamente Agradáveis

{Tag} Livros Esteticamente Agradáveis

por Posted on 12 Comments 8 min leitura 162 visualizações

Faz tempo que não respondo nenhuma tag por aqui, não é mesmo? Encontrei essa de Livros Esteticamente Agradáveis no blog da Carol e fiquei com vontade de responder. Sei que não devo, mas tenho o péssimo hábito de julgar um livro pela capa. Já me arrependi de ter comprado alguns por causa da estética, mas geralmente me surpreendo com a obra. 1. Melhor combinação de cores na capa de um livro. Acho a capa de O Jardim das Borboletas linda. Li este livro por recomendação de uma amiga e não fazia ideia do que se tratava a história. Geralmente, quando falamos em borboletas, pensamos em algo colorido, alegre e leve. No entanto, este livro fala sobre assuntos pesados e dolorosos. Achei que a capa combinou com o enredo, pois mesmo se tratando de algo tão sombrio conseguiu transmitir a delicadeza do assunto. Sinopse: Quando a beleza das borboletas encontra os horrores …

Setembro%20Amarelo:%20Criando%20coragem%20para%20enfrentar%20os%20meus%20medosSetembro Amarelo: Criando coragem para enfrentar os meus medos

Setembro Amarelo: Criando coragem para enfrentar os meus medos

por Posted on 21 Comments 3 min leitura 478 visualizações

Meses antes de procurar por ajuda psicológica, me encontrei com uma amiga de infância. Depois de passarmos a tarde atualizando as noticias e tentando lembrar o nome de várias pessoas que fizeram parte da nossa época, decidi compartilhar a notícia com a mesma. Não consigo descrever a sua expressão, mas ela confessou que não fazia terapia por medo. Ela tinha medo de ser descoberta e enxergar algo desagradável sobre si mesma. Ela admitiu que não gostava de pensar muito sobre o seu passado e a terapia faria com que seu mundo mudasse drasticamente; uma vez que ela criou um jeito de bloquear e fantasiar tudo aquilo que ela fez questão de esquecer. Minha amiga me parabenizou e disse que eu era muito corajosa, pois eu iria entrar em uma salinha fechada e expor tudo aquilo que evitei falar por todos esses anos. Não foi a melhor reação do mundo, entretanto, senti …

Fantasia:%20O%20que%20eu%20aprendi%20com%20esse%20gênero%20literário?Fantasia: O que eu aprendi com esse gênero literário?

Fantasia: O que eu aprendi com esse gênero literário?

por Posted on 47 Comments 5 min leitura 1880 visualizações

Se você acessar a categoria de resenhas aqui no blog irá notar que a grande maioria é de fantasia. Cresci lendo histórias do gênero e, mesmo com 30 anos nas costas, continuo lendo e procurando títulos com elementos fantasiosos. E é incrível como me sinto a vontade nesse ambiente, pois sempre faço referências e piadas pensando em algum personagem. É claro que quando faço isso, a maioria das pessoas ficam me olhando com aquela cara de “o que você está dizendo?“. O fato é que esse gênero literário me ajudou a encarar o mundo de outra forma. Foram os lugares que não existem que me mostraram a importância e o valor da amizade. Nessas histórias, os personagens mostram a magnitude do trabalho em equipe e como devemos lidar com os nossos medos; é possível crer no amor mesmo com o mundo desabando; nos aceitar e aceitar ao próximo. E por incrível …

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE