Sadie – um thriller que perturba até a última página

por Clayci
15 comentários 27 visualizações
Sadie - um thriller que perturbará você até a última página

[rcno-reviews id=1518]

SOBRE A HISTÓRIA

Uma escola abandonada que fica a cinco quilômetros de distância da cidade de Cold Creek pega fogo. E perto do local, o corpo de Maddie Southernuma criança de treze anos – foi encontrado. Ela estava desaparecida há três dias e foi encontrada sem vida. Mattie deixou para trás uma irmã de dezenove anos (chamada Sadie), uma avó de coração (May Beth) e sua mãe (Claire) que estava ausente já faz algum tempo.

Quando Claire abandonou as suas filhas, Sadie tinha dezesseis anos e Mattie estava com dez. Por ser usuária de drogas, Claire deixou suas filhas aos cuidados de May Beth. Após a morte de Mattie, Sadie também desapareceu e o seu carro fora encontrado abandonado. Todos os seus pertences estavam dentro dele. Como a polícia não conseguiu muitas pistas para encontrá-la, May Beth pede ajuda ao West McCrays, que investigará e narrará essa história em um podcast.

As pessoas não mudam. Elas apenas escondem melhor quem são de verdade.

Sadie

MINHA OPINIÃO

Sadie - um thriller que perturbará você até a última página

Eu comprei esse livro na UNESP (uma feira de livros aqui em São Paulo) e não sabia o que esperar da história. Quando parei no estande da editora, vi que ele estava em destaque – por conta do lançamento– e sem ler a sinopse fui convencida pela vendedora de trazê-lo pra casa.

Tudo o que eu sabia era que se tratava de um suspense e que a história seria contada através de um podcast. Eu estava completamente despreparada para encarar a tragédia e as motivações de Sadie ao procurar o assassino da sua irmã. Não imaginava que a trama fosse extremamente pesada, a ponto de incomodar e causar repulsa. A autora revela o lado mais cruel da sociedade e tudo isso foi exposto de uma forma autêntica e nada fantasiosa.

Sadie - um thriller que perturbará você até a última página

Na minha opinião a forma com que a autora usou para narrar e desenvolver os personagens é um dos pontos mais brilhantes da história. A combinação da perspectiva em primeira pessoa de Sadie; com o podcast apresentando as testemunhas entrevistas por conta do seu desaparecimento foi fascinante. Nunca li nada parecido! Eu não consegui largar o livro, pois estava ansiosa para saber do desfecho.

A história mexeu bastante comigo

Quando finalizei a leitura fiquei refletindo sobre as atitudes de Saide; ao fugir e não avisar ninguém sobre o seu paradeiro. No entanto, por mais que eu tente ser responsável e saiba que o melhor opção seria buscar a ajuda das autoridades, entendo a sua escolha ao analisar todo o seu passado e sofrimento. Por mais que ela tenha pesamentos sombrios e destrutivos, Sadie é uma pessoa boa. Ela não pediu para crescer antes da hora e assumir responsabilidades que não eram dela.

Sadie - um thriller que perturbará você até a última página

A mãe de Sadie sempre fora ausente. Ela é viciada em drogas e vivia levando homens desconhecidos para dentro de casa. Sadie não teve uma infância feliz; e se viu obrigada a amadurecer antes da hora para evitar que a sua irmã passasse pelo mesmo que ela.

O que eu posso dizer é que o livro é cheio de gatilhos. Por mais que seja uma ficção, retrata a realidade de muitas garotas. A autora não tem medo de chocar ao falar de abuso sexual, uso de drogas, pedofilia e perda de uma forma crua. Foi o meu primeiro contato com a escrita dela e me senti impotente, assustada e esperançosa. Precisei de um tempo para absorver o conteúdo e pensar sobre a história. Por mais que o livro tenha me incomodado bastante, não me arrependi de ter lido e irei recomendá-lo sempre.

Você também poderá gostar

15 comentários

lilian farias 2 de julho de 2019 - 09:54

A Editora Plataforma 21 tem edições maravilhosas, são livros muito inteligentes e bem construídos para o público jovem que eu babo e me delicio, muito raro um livro deles não atingir um alto grau qualidade. não conhecia Sadie, mas já está em minha lista

resposta
Clayci 3 de julho de 2019 - 09:51

Também adoro as edições da P21

resposta
Pollyanna Campos 27 de junho de 2019 - 10:23

Olá, tudo bom?
Quando eu vi a capa desse livro pela primeira vez achei que se tratava de um YA. Saber que é um suspense tão bem construído, que trata de temas tão importantes, de uma forma direta, crua, me deixou extremamente curiosa para ler este livro. Sei que não vai ser uma leitura fácil, mas acredito que é extremamente necessária e instigante né? Dica mais que anotada! Amei a resenha e as fotos! ?
Beijos!!

resposta
Clayci 27 de junho de 2019 - 17:58

Muito obrigada Pollyanna

resposta
kênia Cândido 24 de junho de 2019 - 12:45

Oi Clayci.

Eu ainda não tinha lido nenhuma resenha sobre este livro e adorei sua opinião mostrando que a autora não tem medo de chocar. Estou bem curiosa pela história e já estou adicionando na lista de desejados. Obrigada pela dica e parabéns pela resenha.

Bjos
https://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com/

resposta
Clayci 26 de junho de 2019 - 09:29

Torcendo para vc dar uma chance pra essa leitura <3

resposta
Thainá Christine 22 de junho de 2019 - 18:18

Esse livro parece ter o teor pesado e que incomoda do jeito que eu gosto. Eu adoro leituras mais densas que me mostram de forma crua a realidade, mesmo que em algumas situações eu prefira ver o belo na ficção. Acredito que essa verdade é uma necessidade nas obras atuais e que podem ajudar os leitores que não sabem o que estão vivendo. Enfim, eu adorei a dica! Não conhecia o livro, então ler a sua resenha e saber dos seus sentimentos me fez procurá-lo para lê-lo. Espero gostar! 🙂

resposta
Clayci 23 de junho de 2019 - 11:30

Fico feliz em saber que se interessou pela leitura.
Concordo plenamente! Essa linguagem é importante e necessária <3

resposta
Joanice oliveira 21 de junho de 2019 - 18:30

Olá

Eu ando vendo bastante marketing desse livro nas redes sociais e estava esperando uma resenha para saber o que esperar quando eu comprar e vou apreciar. Nunca tinha visto uma narração intercalada entre uma personagem e um podcast e posso dizer que já me deixou com muitas expectativas, porque não é algo comum de optarem em obras desse gênero.

Beijos e amei as fotos.

resposta
Clayci 23 de junho de 2019 - 11:39

Ahhh que bom saber que se interessou pela leitura.
Torcendo para vc conseguir dar uma chance para o livro, me diz depois o que achou <3

resposta
Marijleite 21 de junho de 2019 - 16:42

Olá, que bom saber que foi uma leitura cativante, que não dava vontade de parar de ler. Eu sou bem curiosa para ler esse livro, acho a premissa da personagem que vai em busca de vingança pelo que fizeram com sua irmã muito interessante.

resposta
Clayci 23 de junho de 2019 - 11:40

Sadie foi muito corajosa <3

resposta
Samara Silva 21 de junho de 2019 - 10:41

Amei esse seu texto, realmente é um dos melhores blog que estou acompanhando. Suas postagens são excelente! Parabéns!

Já até salvei em meus blogs favoritos ??..

resposta
Aline 19 de junho de 2019 - 20:45

Fiquei realmente curiosa para ler esse livro, ao mesmo tempo em que fiquei preocupada pelo fato de ser bastante explícito. Eu gosto muito quando um autor me surpreende contando uma história e pelo que você falou na resenha esse livro tem esse bônus.

Vou colocar aqui na fila de livros pra comprar quando eu terminar de ler os que já tenho rs

Um beijo!
Line

resposta
Clayci 23 de junho de 2019 - 11:44

Oi Aline!
O tema é abordado de forma crua, mas não há descrição de cena de abuso. <3
A autora soube usar a linguagem para não chocar tanto o público alvo, mas mostrar a importância dos sinais.

resposta

Deixe um comentário