Pesquisando imóveis: Chegou a hora de juntar as escovas

por Clayci
14 comentários

O Di e eu estamos em uma fase do relacionamento em que percebemos que nos ver de vez em quando já não é o suficiente. Costumo dizer que estamos morando juntos mesmo que em casa separadas, pois tem tantas coisas minhas na casa dele (e vice-versa), fora o fato de sentirmos falta da presença um do outro.

Concordamos que já estamos prontos para iniciar uma vida a dois. No entanto, sabemos que mesmo com a decisão tomada devemos planejar tudo antes de juntarmos as escovas (que já estão juntas no banheiro dele, vai entender). Já decidimos a região que queremos morar aqui em São Paulo e até procuramos alguns apartamentos à venda.

É engraçado porque (pelo menos por aqui) nunca nos atentamos a detalhes que são importantes na escolha de um imóvel. Visitar um decorado, por exemplo, pode ser divertido, mas ter que discutir sobre financiamento, custos, transações e documentações pode ser desanimador. Então se você for como eu, que sempre morou com os pais e nunca precisou ter contato com esse tipo de burocracia, terá dor de cabeça.

Nossa sorte é que não estamos sozinhos nessa. Temos o apoio da nossa família – principalmente do sogro que é formado em Direito e tem uma experiência nessa parte de imóveis. Ele deu algumas dicas preciosas antes de fecharmos qualquer negócio.

1- Definir o tipo de imóvel que queremos comprar

Quando ele fez essa pergunta – como se estivéssemos fazendo uma prova – respondi toda segura: apartamento. Mas depois me dei conta que não era essa a resposta correta. Há vários tipos de imóveis residenciais e se vamos investir em algo, temos que pesquisar antes.

Se você quer comprar uma casa, por exemplo, há opções térreas – com todos os cômodos em um único lugar e aquelas com andares. E é a mesma coisa com o apartamento (sem falar que tem kitnet, flat). Pode parecer algo óbvio (e realmente é), porém definir o tipo de imóvel que queremos ajuda a economizar tempo.

2 – Saber quanto podemos investir

E aqui precisa rolar total sinceridade. Não adianta sair por aí procurando um imóvel, encontrar um que você goste e assumir um compromisso antes de confirmar suas condições com o banco. Para evitar frustrações o ideal é saber quanto consegue financiar antes de sair comemorando.

Como temos o nosso sogro para ajudar, fica mais fácil fazemos simulações de empréstimos. No entanto, se você estiver sozinho nessa não tenha medo de perguntar e pesquisar em todos os bancos que puder. Eles sempre oferecem um crédito pré-aprovado e dessa forma fica fácil saber o quanto da sua renda ficará comprometida com as possíveis parcelas.  Lembre-se sempre que imprevistos podem surgir. Por mais que você faça a compra em um bom momento financeiro, pode surgir alguma dificuldade como desemprego, doença e etc. Por isso é importante sempre deixar algo reservado.

3- Não ter medo de perguntar

Eu sou super insegura e o Di já está acostumado com as minhas inúmeras dúvidas. E é claro que não será diferente na compra do imóvel. Não tenho vergonha de admitir que não entendo nada sobre o assunto. Meu sogro disse que posso perguntar à vontade, desde que encontre uma forma que tudo seja registrado. Seja por e-mail, contrato, documento, porque dessa forma eu posso recorrer caso algo não saia como o combinado. Sem falar que é sempre bom saber com quem você está conversando, por isso tente conhecer as pessoas envolvidas no negócio.

Será que vamos conseguir achar nossa casa dos sonhos?

 

Você também poderá gostar

14 comentários

Ane Reis 6 de maio de 2018 - 22:13

Oie Clayci =)

Ah!! Vocês formam um casal tão lindo <3 Fiquei muito feliz em saber da novidade!
Como já trabalhei em imobiliária sei o quanto a parte burocrática pode ser chata e cansativa, mas o importante é vocês decidirem tudo com calma e encontram o cantinho perfeito para os dois. Afinal, o mais importante vocês já tem que é um ao outro.

Beijos e uma ótima semana;***
Ane Reis | Blog My Dear Library.

resposta
Clayci 7 de maio de 2018 - 13:51

Muito obrigada Ane <3

Eu trabalhei alguns meses em uma imobiliária, mas isso foi ANOS atrás hahahahha nem lembro de mais nada.

resposta
Karolini Barbara 5 de maio de 2018 - 21:30

Caraca! Acho corajoso quem já está nessa onda de morar junto com alguém, meus planos até hoje (neste exato canal, neste exato momento) é de morar sozinha e construir minha própria biblioteca, *-*
Mas, voltando a morar junto, ainda tenho um pequeno negócio que não me deixa entender essa parte de dividir o meu espaço. Acredito que já divido tanto meu espaço com minha mãe e irmão, que acabei querendo um canto só meu, do meu jeitinho. xD

resposta
Clayci 7 de maio de 2018 - 13:50

hahahaha super te entendo
Não serei aquelas pessoas chatas que falam que vc vai mudar com o tempo, pq eu sei que não é verdade.
O Di me conhece bem e sabe que gosto de um canto só meu, então provavelmente terei que ter um pra quando quiser ficar sozinha..

Beijos

resposta
Débora 5 de maio de 2018 - 11:53

Oi Clayci. =]
Que bom que vocês estão começando a viver um novo momento do relacionamento de vocês. Muito sucesso nessa nova fase, torço muito para que vocês possam encontrar um cantinho legal e aconchegante para morarem. Embora morra de vontade de ter meu próprio cantinho ainda não estou pronta para ir atrás de um novo lar para mim mas estou batalhando pra isso. ^^ Mesmo assim gostei muito das suas dicas e já estou tomando elas para mim pois imagino (certeza praticamente) que irei sentir as mesmas dificuldades e dúvidas quando chegar a minha hora de procurar um imóvel. Compartilha mais dessa experiência por aqui. Vou adorar ler. =)
Beijinhos

resposta
Clayci 7 de maio de 2018 - 13:49

Ahhh obrigada Debora <3

Espero que antes de formalizar qualquer coisa eu consiga compartilhar aqui sim *_*

resposta
Aline Amorim 4 de maio de 2018 - 14:04

Nada melhor que um cantinho para chamar de nosso!
Eu espero que vocês consigam encontrar uma casa conforme vocês sonham!
Beijos

resposta
Clayci 7 de maio de 2018 - 13:40

Que assim seja <3
Obrigada Aline

Beijos

resposta
Luciana Midory 3 de maio de 2018 - 22:17

Que máximo, Clayci! Eu moro junto com meu boy magia (ahahahaha ele me mata se ler isso) há 6 anos e é a coisa mais gostosa <3
Comprar um imóvel é bem complicado… nós passamos por essa fase de procura, mas acabamos desistindo por um tempo. Essas dicas realmente são bem úteis para quem for procurar 🙂
E boa sorte para vocês! Com paciência, com certeza vocês encontram a casa dos sonhos 😀
Beijos!

resposta
Clayci 7 de maio de 2018 - 13:40

Imaginando a reação dele ao ler o boy magia hauhauhauhauhuhuah <3
Obrigada, Lu.

resposta
Emy 3 de maio de 2018 - 13:55

AHHHH meu Deus, que alegria! Parabéns pela decisão, Clay ? Vida a dois não é fácil, mas é uma etapa importante na nossa vida! Desejo muita sorte, muita sabedoria e muitas felicidades!
E que bom que vocês têm o apoio do sogro nessa parte burocrática, né? Eu sou que nem você, meio perdida nessas questões hahaha

? Um beijo ?
Meraki | Emy Teranishi

resposta
Clayci 7 de maio de 2018 - 13:40

Será que vamos morar perto? hahahahahahahahha <3
Obrigada Emy

Beijos

resposta
Cassia 3 de maio de 2018 - 08:54

Puxa, que legal saber que vcs estão colocando as coisas em prática pra ter uma casinha <3 Meu namorado e eu também estamos planejando essa mudança, mas é algo que vamos fazer daqui uns 2 anos (antes estamos querendo viajar). Adorei as dicas desse post! E ainda bem que você tem um sogro que consegue te ajudar nas dúvidas, ahhaha!

Beijos e boa sorte!

resposta
Clayci 3 de maio de 2018 - 08:57

Obrigada Cassia.

É uma vontade nossa, mas sabemos que não dá pra realizar da noite pro dia, né?
<3 mas aos pouquinhos dá certo.

resposta

Deixe um comentário