O Amuleto #2 (A maldição do Guardião da Pedra) – Kazu Kibuishi

por Posted on 25 Comments 3 min. de leitura 424 visualizações

No final do ano passado tive a oportunidade de conhecer o trabalho do Kazu Kibuishi. O primeiro volume da série  O Amuleto foi publicado em 2013 pela editora fundamento e a HQ foi criada para o público infantil. No entanto, é uma leitura tão agradável que conquista qualquer idade.

SOBRE A HISTÓRIA

No primeiro volume – O guardião da PedraEmily descobriu o poder do Amuleto e quase perdeu a sua mãe por não saber usá-lo direito. Porém, Emily e seu irmão, Navin, conseguiram resgatá-la e evitar que o pior acontecesse. Só que a mãe dos dois foi envenenada e está morrendo aos poucos.

Em só queria voltar para casa com a sua família e mantê-los em segurança. Mas como sua mãe está doente, ela terá que ir atrás de um fruto, que só tem no alto de uma montanha, para usá-lo como antídoto para o veneno. Em foi orientada sobre o perigo do lugar, contudo, é claro que fará de todo possível para ter a sua mãe de volta.

Deixou Navin cuidando dela e seguiu viagem em busca desse fruto. Só que nesse trajeto, Emily terá que lidar com os inimigos elfos e tentar entender a sua relação com o amuleto. Será que ela vai conseguir sair dessa e salvar a sua família?

O QUE ACHEI DE A MALDIÇÃO DO GUARDIÃO DA PEDRA?

O Amuleto #2 (A maldição do Guardião da Pedra) - Kazu Kibuishi
O Amuleto #2 (A maldição do Guardião da Pedra) – Kazu Kibuishi

No primeiro volume – depois de acompanhar a tragédia que mudaria a vida de Emily e sua família – conhecemos a história do amuleto. Temos uma pequena noção do que ele pode fazer e de como é difícil controlá-lo. Já em A maldição do guardião da pedra, é possível conhecer melhor os personagens e os seus medos.

Em, não sabe usar o amuleto. E ganha a ajuda de Leon (caçador de recompensas) para conhecer melhor o seu propósito. E é no decorrer dos diálogos que vamos descobrindo as qualidades e os defeitos da nossa personagem principal. Emily é insegura e tem medo de não conseguir controlar a pedra e estragar tudo.

E é claro que por não saber usar, sofrerá as consequência e colocará em risco a vida de todos. Senti que A maldição do guardião da pedra serviu para criar um vínculo com o leitor. Nesse volume o autor consegue manter a beleza das ilustrações, porém de uma forma mais sensível. As cores usadas se adequaram perfeitamente às situações.

O Amuleto #2 (A maldição do Guardião da Pedra) - Kazu Kibuishi
O Amuleto #2 (A maldição do Guardião da Pedra) – Kazu Kibuishi
O Amuleto #2 (A maldição do Guardião da Pedra) - Kazu Kibuishi
O Amuleto #2 (A maldição do Guardião da Pedra) – Kazu Kibuishi

Apesar de insegura, Emily, é uma jovem determinada e quer proteger as pessoas que estão ao seu lado. Então começa a entrar em conflito sobre como o poder influencia nas suas escolhas. Em está vulnerável e a pedra quer se aproveitar da situação para controlá-la.

Conheci melhor os inimigos nesse volume e achei incrível a forma que Kazu Kibuishi mostrou a origem do vilão principal. Sem falar que a introdução dos novos personagens deixou um gostinho de quero mais. E ainda que seja uma história em quadrinhos, pude notar que o autor não economizou nos diálogos e adorei isto.

É uma história pro público infantil? Sim, mas que prende a nossa atenção e consegue transmitir várias mensagens maravilhosas. Não vejo a hora de iniciar a leitura do terceiro volume.

Receba as publicações por e-mail

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

25 Comments
  • Ana Paula Lima
    janeiro 20, 2018

    Oiii!

    Eu não sou muito fã de HQs, mas eu adoro conhecer os traços e enredos.Gostei muuuuito de conhecer essa obra por aqui. Suas fotos deixaram a resenha mais dinamica e mostrou como é bonitinho <3
    Adorei saber que mesmo sendo novinha, a protagonista é determinada!

    Beijinhos,

  • Jennifer Silva
    janeiro 17, 2018

    Que HQ maravilhosaaa! As ilustrações estão lindas e a história parece ser bem interessante e cheia de reviravoltas. Gostei da Emily e estou curiosa para conhecer essa série. Obrigada pela dica, bjss!

  • Alvaro Hendrick
    janeiro 16, 2018

    Que livro lindo! Achei a proposta muito interessante, apesar de não conhecer o autor. As ilustrações parecem muito bonitas. Adorei o post! Boa sorte com o blog 🙂

    Portal GATILHO
    https://portalgatilho.wordpress.com

  • Nilda de Souza
    janeiro 14, 2018

    Que edição linda! As ilustrações são tão ricas em detalhes. Vou anotar a dica, pois tem muito a ver com meu sobrinho. Perfeito para a idade dele.

  • Nathaly
    janeiro 13, 2018

    Oiie, tudo bom?? Eu amo HQ’s demais e já tinha visto esse em uma banca, sempre que vejo fico com vontade de comprar ele. Esse ar infantil e aventureiro é incrível, amei. Bjs ^^

    • Clayci
      janeiro 17, 2018

      Poxa Nathaly será que vc não se confundiu?
      A editora não distribui a edição para bancas, só em livrarias mesmo.
      Mas caso encontre, leia sim <3 Vale a pena..

      Beijos

  • Nina Spim
    janeiro 12, 2018

    Oi, tudo bem? Sinto falta de literatura infantil, porque sinto falta desse contato mais inocente com as coisas, sabe? Então, essa HQ seria algo que me encantaria demais. Achei o design ilustrativo muito lindo e cativante e que fofo que você recebeu o coelho também! Fiquei curiosa com ele, hihi. Gostei muito da sua resenha e da sua sinceridade.

    Love, Nina.
    http://www.ninaeuma.blogspot.com

    • Clayci
      janeiro 17, 2018

      Eu não recebi o coelho não, Nina rs.
      Como coleciono figures, ele já fazia parte da minha coleção e mesmo ele não tendo nada a ver com a história, combinou com o personagem hahaha <3
      Foi coincidência mesmo

      Beijos

  • Karoline Lima
    janeiro 12, 2018

    Oii, Clayci.
    Eu amei as cores desse HQ (suas fotos ficaram lindas), as formas como as frases são posicionadas e os traços das ilustrações também, ele, visualmente, é muito bom. Ainda não li esses, mas vou guardar a dica <3
    Espero que goste dos próximos.

    Beijos.

    • Clayci
      janeiro 17, 2018

      Sim, adorei como o autor posicionou as frases.
      Há muitos diálogos, porém não atrapalha na beleza das imagens.. *_*

  • Angélia Felix Lima
    janeiro 12, 2018

    Oi, tudo bem?
    Não leio HQs, mas esta está muito bonita, além de ter uma premissa muito interessante!
    Bjs

  • Milca Abreu
    janeiro 12, 2018

    que hq mais fofinha
    deve ser uma historia bem legal mesmo, eu nunca diria que é para crianças hahaha
    a arte é linda demais, vou tentar incluir na minha meta de leitura pra esse ano, pq eu amei a arte!

    • Clayci
      janeiro 17, 2018

      As ilustrações são tão lindas que dá vontade de ficar admirando página por página rs

      Beijos

  • Ana Beatriz
    janeiro 12, 2018

    Eu não costumo ler HQs, mas adoro acompanhar as novidades que saem porque já li algumas que curti bastante. Essa me chamou a atenção, vou procurar no site da Saraiva.
    Ah, de HQ eu indico “Vitória Valentina” da Elvira Vigna. Fala sobre adoção, injustiças sociais, racismo, é bem interessante.
    Beijão!

    • Clayci
      janeiro 17, 2018

      Dica anotada.
      Eu não conhecia esta HQ e já gostei por conta dos assuntos abordados.
      Obrigada, Ana <3

      Beijos

  • Camila Vieira
    janeiro 11, 2018

    Olá, tudo bem?
    Nunca tinha visto essas HQ, pelo que me lembro. Pela foto pude ver que há ilustrações lindas, não vejo a hora de conferir essa história.

    Beijinhos,
    livroseimaginacoes.blogspot.com.br

    • Clayci
      janeiro 17, 2018

      Oi Camila.
      Fico feliz que tenha gostado e espero que consiga ler <3

      Beijos

  • Isabela
    janeiro 11, 2018

    Oi! Não conhecia essa história, mas já fiquei curiosinha para conferir. Normalmente curto bastante essas histórias voltadas ao público infantil, com esse toque de fantasia e tudo mais. Parabéns pela resenha.

  • Paloma
    janeiro 11, 2018

    Nossa…que HQ sensacional! Fiquei aqui com olhinhos brilhado de paixão; Com certeza esses volumes devem ser tudo de bom. Esse ano participo de um projeto onde tenho que ler um HQ em um mês é tipo um desafio. Ainda nao sei o que escolher. Vejo que há muitas pessoas que nutrem preconceito por tramas para o público infantil. Eu nao, eu amooooooooooo! Lindas as fotos que voce tirou também. Leia o terceiro e compartilhe sua opinião conosco.
    Bom começo de ano!
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    • Clayci
      janeiro 17, 2018

      Oi Paloma <3
      Eu tbm amo histórias infantis. Aprendemos tanto com elas.
      Super recomendo essa leitura para o seu projeto =D..

      Beijos

Previous
Preparando a Pipoca: O que andei assistindo #1
O Amuleto #2 (A maldição do Guardião da Pedra) – Kazu Kibuishi

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE