Home - Halloween: Quais foram as minhas leituras de outubro
Especial Halloween

Halloween: Quais foram as minhas leituras de outubro

No início do mês de outubro eu compartilhei a minha TBR de Halloween aqui no blog. Escolhi 3 livros com Thriller psicológico e hoje vim falar um pouquinho como foram as minhas leituras.

A outra Sra. Parrish

Halloween: Quais foram as minhas leituras de outubro

A outra Sra. Parrish foi a minha primeira leitura do mês e fiquei bastante satisfeita com ela. Este livro provocou vários sentimentos enquanto eu lia e no final eu me senti “vingada“. Logo no inicio, acompanhamos Amber Patterson e o seu plano para tomar o lugar de Daphne Parrish. Amber é aquela personagem egoísta, ambiciosa, detalhista e que faz de tudo para se sentir realizada. Ela é determinada e sabe o que quer! Mas para evitar de correr riscos e ser descoberta, ela planeja cada conversa, cada detalhe.

Daphne é uma mulher que nunca fez questão de ter sucesso. Ela acabou se casando com um milionário, mas gostava da vida simples que tinha antes de conhecê-lo. É uma pessoa que sempre busca ajudar o próximo e guarda segredos que ninguém desconfia. Os capítulos são curtos e não consegui soltar o livro, pois queria saber o final logo. Gostei bastante da leitura, a qual fala muito sobre inveja, ambição, aparências e consequências. Recomendo!

Não é de se admirar que todos os ricos cresçam com a sensação de serem os donos do mundo. Não conheciam outra realidade
A outra Sra. Parrish

A mulher na Janela

Halloween: Quais foram as minhas leituras de outubro

Já não posso dizer que fiquei tão satisfeita com essa leitura, porque senti que a história estava se arrastando e demorando para entregar o mistério. O livro começa mostrando a rotina da Dra. Anna Fox, uma psicóloga infantil que sofre de Agorafobia (medo de lugares abertos). Ela vive dentro de casa e sofre crises de pânico caso seja exposta a espaços abertos. 

Ela mora sozinha e a sua casa vive fechada, com as luzes apagadas. Anna gosta de vinho e é viciada em filmes antigos. Para passar o tempo e se sentir útil, Anna gosta de orientar (online) outras pessoas que sofrem do mesmo transtorno que ela. Preciso dizer que ela também gosta de vigiar a vida dos seus vizinhos pela janela. Com uma câmera de superzoom, a psicóloga acompanha a vida de cada morador da sua pequena vizinhança. 

Como médica, digo que o paciente precisa estar num ambiente que ele seja capaz de controlar. Essa é a minha avaliação clínica. Como paciente, digo que a agorafobia não veio para destruir minha vida: ela agora é a minha vida
A mulher na janela

Nenhum detalhe escapa da sua lente! Em uma mão ela segura a câmera e na outra uma taça de vinho. Foi em uma dessas espiadas que a psicóloga começou a perceber que algumas coisas estavam estranhas. Ela tem um interesse especial na vida da família Russell e acaba se tornando uma testemunha ocular de um crime. O problema é que Anna não consegue sair de casa para pedir ajuda e naquele dia ela tinha misturado seus medicamentos com bebida alcoólica. Ela conseguiu ligar para a polícia, mas ninguém acreditou em sua versão;  agora ela terá que dar um jeito de provar o que realmente viu. Ou será que foi tudo imaginação?

Tenho que admitir que o autor sabe criar suspense, no entanto, não sei se é porque já estou acostumada a ler livros do gênero, mas acabei decifrando boa parte da história na metade do livro. Ao perceber a ausência de alguns personagens e ler o diálogo entre outros, liguei alguns pontos e me senti uma “xeroque rolmes”. Gostei do desfecho, mas não gostei a enrolação. O história só começa mesmo na metade do livro.

Eu Estou Pensando em Acabar Com Tudo

Halloween: Quais foram as minhas leituras de outubro

Fiz uma pequena alteração na minha TBR. Eu tinha escolhido o livro O Substituto, contudo acabei trocando na última hora. Assim que li a sinopse de Eu Estou Pensando em Acabar Com Tudo fiquei curiosa para saber do que se tratava. O livro é curto e precisei reler o final três vezes para conseguir compreender algumas coisas. Adianto que foi a melhor coisa que eu fiz, pois o livro não é ruim. 

Nossa protagonista não tem nome; iniciamos a história com ela narrando a sua viagem de carro com o seu namorado Jake. Ela irá conhecer os pais dele! A primeira parte do livro se passa dentro do carro com os dois conversando e nossa protagonista pensando sobre o seu passado. Ela discute e reflete sobre suas escolhas e omite o essencial: uma pessoa que a vive atormentando com algumas ligações estranhas.

” – A Memória é única cada vez que é relembrada. Não é absoluta. Histórias baseadas em fatos reais normalmente têm mais a ver com ficção do que com fatos. Tanto ficção quanto memória são relembradas e recontadas. Ambas são formas de histórias.”
Eu estou pensando em acabar com tudo

Os capítulos vão intercalando entre a viagem deles e alguns fragmentos de diálogos que levam o leitor a crer que algum outro personagem cometeu suicídio. Não sei como explicar esse livro, porém ele foi bem escrito. Muitas pessoas acharam a história sem pé e nem cabeça, contudo ela é complexa e original. A narrativa do autor faz com que cada leitor tire suas próprias conclusões. Se trata de um suspense psicológico e de alguma forma mexe com a gente. Sem falar que há vários trechos reflexivos, realmente senti medo em algumas cenas. Gostei muito dessa leitura.

Halloween: Quais foram as minhas leituras de outubro

Estou feliz porque não flopei com o projeto e consegui ler todos os livros da minha TBR de Halloween (tirando o fato que troquei de livro na última hora). E vocês? Leram algo de suspense/terror em outubro?


Leia também:

Instagram: As fotos que preparei para o Halloween

Clayci

Especial Halloween: Minha TBR temática

Clayci

15 comentários

Beatriz Andrade 12 de novembro de 2018 at 00:12

Eu quero muito ler A outra Sra. Parrish, só escuto elogios para esse livro e acho que vou gostar muito dele. A Mulher na Janela eu estou curiosa, mas saber que você achou arrastado me deixa com o pé atrás. Estou pensando em acabar com tudo parece ser um livro com muitas mensagens e fiquei curiosa para ler.

Resposta
Clayci 12 de novembro de 2018 at 11:06

Ahh eu acredito que vc gostará de ler A outra Sra. Parrish! A leitura fluiu muito bem por aqui.
A mulher na janela eu gostei sim, mas achei que o autor demorou muito para entregar o mistério e isso dá tempo pro leitor pensar e refletir. Isso ajudou muito a deduzir muitas coisas rs

Resposta
Andressa Ledesma 10 de novembro de 2018 at 19:18

Oii!
Dos que você citou eu só não li A outra Sra. Parrish, e já fiquei muito empolgada para ler!
A mulher na janela me surpreendeu bastante, não esperava aquele final.
Eu estou pensando em acabar com tudo é um livro diferente de tudo que eu já li, foi muito difícil escrever a resenha dele.
Terminei hoje um com essa pegada de terror psicológico: Stalker, da Tarryn. E é muito bom!
beijos

Resposta
Clayci 12 de novembro de 2018 at 13:16

Tbm achei o “Eu estou pensando em acabar com tudo” bem diferente dos livros que já li <3
E não conhecia esse livro *_* agora fiquei curiosa pra ler

Resposta
Luciana Carvalho 10 de novembro de 2018 at 10:53

Oi, Clayci.
Gostei do seu post por vários motivos. Primeiro, as suas indicações que ainda não conhecia. Segundo, as fotos, que amei. E, por fim, a sua sinceridade, ao falar que gostou, que se decepcionou, que trocou. Enfim, adorei.

Beijos!

http://www.blogdaluh.com

Resposta
Clayci 12 de novembro de 2018 at 13:16

Muito obrigada <3

Resposta
Ben Oliveira 7 de novembro de 2018 at 02:40

Fiquei curioso para ler Eu Estou Pensando em Acabar Com Tudo. Adorei o trecho do livro que você selecionou.
Abraços

Resposta
Clayci 8 de novembro de 2018 at 09:22

Ele é cheio de quotes reflexivos.
Quem curte filosofia é um prato cheio =D

Resposta
Priih 5 de novembro de 2018 at 08:49

Oie, tudo bem?
Saí muito em outubro, então as leituras foram fracas. 🙁
Quero muito ler os dois primeiros da lista.
Beijos,

Priih
Infinitas Vidas

Resposta
Clayci 6 de novembro de 2018 at 09:33

Ahhh mas foi por uma boa causa, não?

Resposta
Tamara Mansur 4 de novembro de 2018 at 18:03

Oláá Clayci! Tudo bem?
Gostei das suas leituras de outubro, fiquei muito curiosa com a Outra Sra. Parrish e a Mulher na Janela já venho querendo ler há algum tempo, mas não estou tão acostumada com esse gênero e costumo ser enganada facilmente hehe
eu não li nada de suspense ou terror esse mês, fiquei só lendo a série corte. Ontem é que eu comecei a ler um do harlan coben e já estou bem animada 🙂
beeijo

https://lecaferouge.blogspot.com/

Resposta
Clayci 6 de novembro de 2018 at 09:34

Gostei bastante desses livros =D

Resposta
Ana Rita Nascimento 4 de novembro de 2018 at 15:20

Gostava tanto de ler como tu! Infelizmente não consigo!
Beijinho, Ana Rita*
BLOG: http://www.margheritablog.com/ || INSTAGRAM: https://www.instagram.com/rititipi/ || FACEBOOK: https://www.facebook.com/margheritablog/

Resposta
Clayci 6 de novembro de 2018 at 09:35

=) Obrigada

Resposta

Deixe um comentário

* Seu comentário irá para aprovação

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE