Fotografia


Chronos: Limites do Tempo – Rysa Walker (Vamos viajar no tempo?)

Limites do Tempo é o segundo livro da trilogia Chronos da autora Rysa Walker. Ele foi lançado pela editora Darkside Books e é um livro para quem curte romance, eventos históricos e ficção científica.

SOBRE A HISTÓRIA

Como você reagiria se descobrisse que é possível viajar no tempo? Caso você ainda não tenha lido o primeiro livro da trilogia, recomendo ler a resenha que fiz aqui no blog. No livro anterior(Viajantes do Tempo) fomos apresentados a Kate Pierce; uma jovem de dezesseis anos que descobriu – de uma forma inesperada – que conseguia viajar no tempo. Sua avó está com uma doença em fase terminal e conta com a neta para arrumar a bagunça que seu avô causou na linha tempo.

Há muitos anos atrás, eles trabalhavam para a Chronos e o principal objetivo era observar e preservar eventos históricos. Tudo estava indo bem, até que Saul (o avô de Kate) decidiu que não queria apenas assistir tais fatos. Ele queria construir a sua versão e mudar a história, criando um futuro que na qual ele seria dono de uma enorme riqueza e poder. Com a ajuda da tia Pru, Saul alterou momentos importantes e criou um grupo religioso – conhecidos como ciristas.

Chronos: Limites do Tempo - Rysa Walker (Vamos viajar no tempo?)

[penci_blockquote style=”style-2″ align=”left” author=”Chronos – Limites do Tempo (pág. 100)” font_style=”normal” uppercase=”false”]Uma coisa é saber que existem pessoas por aí que acreditam tão fortemente em alguma coisa a ponto de morrer por ela. Outra coisa, totalmente diferente é saber que você está lidando com pessoas que vão cortar a própria garganta de orelha a orelha e continuar ostentando o sorriso enquanto suas vidas se esvaem, confiantes de que o sacrifício valeu a pena[/penci_blockquote] Para que seu plano continuasse ativo, Saul explodiu Chronos no futuro e deixou alguns viajantes espalhados pela linha do tempo. Agora Kate precisa encontrá-los e convencê-los a entregar as chaves (que permitem viajar no tempo) para acabar o plano doentio de seu avô. E em Limites do Tempo, Kate está de volta à sua linha do tempo original (Sim, usei a palavra tempo 4 vezes só nesse parágrafo, mas juro que foi preciso).

[penci_blockquote style=”style-2″ align=”right” author=”Chronos – Limites do Tempo (pág.246)”]Sabe, seria muito mais fácil me acostumar a isso tudo se você tivesse que voltar para a sua TARDIS ou algo assim antes de desaparecer[/penci_blockquote] Ocorreram algumas alterações, no entanto, as principais permaneceram intactas. Seus pais ainda existem e sabem dela, mas ainda é preciso restaurar fatos importantes da história. Nessa missão, Kate, é uma das poucas pessoas que sabem que o “presente” foi alterado. Ela ainda conta a ajuda de Connor e Kiernan para rastrear as chaves de outros viajantes. Sua avó também está presente, todavia o câncer está progredindo e isso faz com que ela fique mal-humorada, impaciente e até mesmo esquecida.

Chronos: Limites do Tempo - Rysa Walker (Vamos viajar no tempo?)

Kate terá que voltar no tempo em épocas marcantes da nossa história. Como o assassinato de John F. Kennedy e até mesmo à campanha presidencial de Roosevelt. Fora que ela também terá que lidar com os seus sentimentos, uma vez que sua outra versão foi rompida, na linha do tempo em que amava Kiernan. E nessa linha atual, ela é apaixonada por Trey e está tentando descobrir o que um significa para o outro. Será que ela vai conseguir lidar com todas essas mudanças? 

MINHA OPINIÃO

Por se tratar de uma trilogia, pensei que não iria gostar do segundo livro. Pois geralmente é o que acontece: você se apaixona pelos personagens e a história, mas desanima com a continuação. Comigo foi o contrário! Apesar de ter gostado do primeiro livro, não consegui gostar da protagonista logo de cara. Isso fez com que eu me desanimasse completamente. Em Limites do Tempo, Kate conseguiu amadurecer as suas ideias e ser mais segura em suas ações. Nesse volume, ela está ainda mais forte e independente. A jovem terá que enfrentar inimigos que parecem sempre estar um passo à sua frente.

A única coisa que me incomodou um pouco, foi o triângulo amoroso existente na história. Não é nada angustiante, sabe? Kate sabe conviver com essa situação e mesmo estando confusa com os seus sentimentos, ela não é dramática e sabe separar as coisas (até porque nem eu saberia escolher entre Kiernan e Trey se estivesse no lugar dela). Mas odeio essa sensação de “escolha”,  sabe? Gostei de obter mais informações sobre Kiernan e seu passado com a “outra Kate” (aquela que sumiu na outra linha do tempo), pois ele realmente deixou claro que a ama em qualquer versão.

Chronos: Limites do Tempo - Rysa Walker (Vamos viajar no tempo?)

E se no primeiro livro eu fiquei incomodada com a falta de informações sobre a religião criada por Saul, nesse fiquei satisfeita. No início da trama sabemos que ele é o vilão, entretanto, no livro anterior não foi explicado o porquê dessa obsessão. E o que posso dizer é que ele é cruel, muito cruel. Em Limites do Tempo vamos conhecer melhor o seu passado.

Não tenho muito o que revelar porque não quero soltar spoiler. O que eu mais gosto na escrita da autora é a forma com que ela trabalha as viagens no tempo. É um assunto complexo, mas ela crias as situações com tanta naturalidade que prende a atenção até de quem não gosta muito do tema. Ela consegue explicar e mostrar o “universo ramificado” e como essas alterações afetam a vida de cada pessoa.. Sem falar que há fatos reais dentro da história e achei isso maravilhoso.

Quando Kate ficou viajando entre diferentes épocas históricas, deu pra sentir que houve uma pesquisa muito bem feita; ao ler as descrições dos ambientes e a cultura da época trabalhada. Me senti incomodada em várias passagens, mas principalmente com o período que Kate precisou visitar no interior do estado da Georgia em 1938. Uma época em que as leis de segregação racial ainda eram uma triste realidade. Só posso dizer que gostei da leitura e a minha vontade era de poder viajar no tempo, só para poder ler logo o último livro da saga.

Chronos: Limites do Tempo - Rysa Walker (Vamos viajar no tempo?)Chronos: Limites do Tempo - Rysa Walker (Vamos viajar no tempo?)

newsletter receba novidades

Receba atualizações do blog por email

veja também

  • alguns livros conseguem tocar sua alma de uma forma inusitada.

    Livros

    O Circo da noite – Erin Morgenstern

    Por

  • "Fisicamente, habitamos um espaço, mas, sentimentalmente, somos habitados por uma memória."

    Livros

    Mansão Gallant – V.E. Schwab

    Por

  • Melhor te amado, e deopis perdido, do que jamais saber o que é amo?

    Livros

    As musas – Alex Michaelides

    Por

comentários

  • Vivi

    Oi Clayci, eu nunca li nada sobre viagem no tempo, mas tenho muita curiosidade de ver como o autor, autora neste caso, consegue desenvolver uma historia, indo no passado, alterando o presente e neste, que tem fatos reais como os presidentes ou outras épocas, deve ser muito interessante mesmo, consigo imaginar o teu fascínio. Eu lembro dos filmes “Efeito borboleta” que me encantavam há alguns anos. Nós temos o primeiro livro, tentarei ler em breve.
    Tua resenha ficou muito boa, porque além de bem escrita, ainda me despertou a vontade de ler a série e é ótimo quando o segundo livro consegue superar o primeiro, desejo que o terceiro seja melhor ainda.
    bjos
    Vivi

    responder
    • Clayci

      Eu adoro esse filme, Vivi.
      Espero que curta a leitura e me diga depois o que achou <3
      Beijos

      responder
  • Alice Lacerda Montiel

    Oiii Clayci

    Esses triângulos amorosos às vezes cansam memso, ainda bem que não foi nada que chegasse a incomodar a leitura. Eu tenho o primeiro livro aqui na estante pendente pra ler, espero gostar da Kate, mas ainda que isso custe a acontecer pelo menso já sei que há probabilidades de gostar dela na segunda parte já que a garota evolui e amadurece, gostei de saber disso. Adoro viagens no tempo, então, até pela temática acredito que irei gostar.

    Beijos

    http://www.derepentenoultimolivro.com

    responder
    • Clayci

      Ahh torcendo para vc curtir o primeiro livro.
      Eu gostei da personagem, achei ela independente e forte. Mas teve momentos que agiu como criança e isso me tirou do sério haiuhaiuhauihai.. Mas nesse segundo volume me surpreendi.

      responder
    • Clayci

      Como fiquei feliz em saber disso .
      Espero que consiga dar uma chance para a leitura *_*

      responder
  • Thalita Ariane

    Olá!
    Achei essa edição da Darkside linda e ela já está na minha lista de desejados, como a maioria dos livros deles rs.
    Que bom saber que você gostou do livro e que a autora criou situações com naturalidade e ainda com os fatos reais é muito mais interessante.
    Espero adquirir o meu logo e gostar tanto quanto você.
    Bjs.

    responder
  • Juliana Xavier

    Ai como eu odeio essa mania dos autores de enfiar triângulo amoroso em tudo hoje em dia… Não sabia que nessa série tinha isso e agora até desanimei pra ler. Porque me dá uma raiva que até atrapalha meu envolvimento com o enredo. RS… E a premissa é tão legal! Se eu já não tivesse comprado o primeiro volume completamente no escuro desistiria de conhecer a história, mas como já tenho, acho que vou acabar lendo.

    responder
    • Clayci

      Infelizmente TEM. Mas por incrível que pareça, não me senti tão incomodada com isso.
      Já abandonei histórias por causa disso rs

      responder
  • Dayhara Ribeiro Martins

    Acho que já falei por aqui que esse não é um gênero que tenho por hábito ler, mas você faz comentários tão positivos sobre, que me realizo com suas resenhas, vou lendo, conhecendo a historia e torcendo pra que seja uma boa leitura pra voce haha eu também odeio triangulos amorosos, na real, quem aguenta ne?

    responder
  • Fábrica dos convites

    Que bom que desta vez o segundo volume se mostrou ainda melhor que o anterior! É ótimo quando há uma evolução da personagem ainda mais ele sendo o principal.
    Bjs Rose

    responder
  • Beatriz Andrade

    Antes de qualquer coisa, você é um gênio das fotografias <3
    Eu adoro histórias sobre viagens no tempo e estou louca pelo primeiro volume desde que li a sua resenha dele, agora eu preciso muito ler esse segundo volume e com certeza já vou querer ler o terceiro também. Eu tenho essa impressão com trilogias também hahaha amo o primeiro, o segundo nem tanto e o terceiro é surpresa, às vezes amo e outras vezes não. Mas tenho tido sorte com as últimas trilogias que eu li.

    responder
    • Clayci

      Ahh muito obrigada *_*
      E estou aqui torcendo para vc dar uma chance pra essa trilogia *_*

      responder
  • Lana Silva

    Já conhecia essa trilogia, no entanto confesso que já havia lido resenhas anteriores que não me fizeram ter interesse pela leitura, ao contrário da sua. Pois aqui além de se tratar do segundo livro, você faz uma comparação de ambos, onde vemos que a personagem amadurece seus pensamentos, e apesar de possuir um triangulo amoroso, ainda sim não é nada forçado que chegue nos incomodar. A temática de viagem no tempo e muito interesse, até pelos fatos antigos dos quais vamos nos deparar. Enfim, irei incluir a obra na minha lista de desejados.

    responder
    • Clayci

      Oi Lana, tudo bem?
      AHHH como fiquei feliz em saber que consegui despertar seu interesse pela leitura. <3
      Beijos e obrigada

      responder
  • Amanda

    Acho que vou esperar o terceiro livro da trilogia ser lançado para ler um atrás do outro porque já percebi que ele vai atiçar muito minha curiosidade. Apesar de ser fã de filmes e séries come esse tema, ainda não li nenhum livro sobre, mas vendo a citação que você escolheu com a referência de Doctor Who já me interessei.

    responder
    • Clayci

      O terceiro livro sera lançado ano que vem.
      Vale a pena dar uma chance pra leitura sim, quando possível <3
      Também AMO filmes com essa temática *_*

      Beijos

      responder
    • Livia

      Que resenha maravilhosa. Estou terminando o primeiro livro e queria muito saber sobre o segundo. Ainda bem que encontrei vc.

      Só tenho uma dúvida o terceiro livro já foi lançando? Pois não encontro ele em lugar nenhum

      responder
Mais comentários
1 2

newsletter receba novidades

Receba atualizações do blog por email

veja também

  • alguns livros conseguem tocar sua alma de uma forma inusitada.

    Livros

    O Circo da noite – Erin Morgenstern

    Por

  • "Fisicamente, habitamos um espaço, mas, sentimentalmente, somos habitados por uma memória."

    Livros

    Mansão Gallant – V.E. Schwab

    Por

  • Melhor te amado, e deopis perdido, do que jamais saber o que é amo?

    Livros

    As musas – Alex Michaelides

    Por

ir ao topo

Buscar no site

Frases do livro: A casa no mar Cerúleo Trechos do livro A sociedade de Atlas Trechos do livro: Mansão Gallant Dark Academia O que é?