Olá, como vocês estão? Já foram assistir Capitã Marvel? Estava ansiosa pela estréia e ignorei todos os burburinhos sobre o filme. Para ser sincera, assisti apenas ao trailer e não li mais nada a respeito porque queria ser surpreendida.

O filme se passa em meados dos anos 90 e a história começa em um planeta chamado Hala, que é parte do Império Kree. Vers Brie Larson ) está tendo pesadelos frequentes e em seus sonhos aparece uma mulher mais velha. Seu mentor Yon-Rogg (Jude Law) e a Suprema Inteligência – um tipo de IA que governa Kree – a orientam dizendo que ela precisa manter as suas emoções sob controle.

Capitã Marvel e o poder feminino na sociedade
Marvel Studios’ CAPTAIN MARVEL Carol Danvers/Captain Marvel (Brie Larson) Photo: Chuck Zlotnick ©Marvel Studios 2019

Mas essa tarefa não será nada fácil, pois ela vive um pesadelo diariamente. Vers não se lembra do seu passado e não faz ideia de quem ela realmente é. No entanto, como está em treinamento, surge uma missão. Eles terão que lutar com os seus inimigos de longa data, os metamorfos conhecidos como os Skrulls. Algo dá errado e na fuga, Vers cai em um lugar da Terra. Por não ser nada discreta, ela acaba atraindo a atenção dos agentes da SHIELD, e então veremos Nick Fury ( Samuel L. Jackson ) e Phil Coulson (Clark Gregg) em ação.

Vamos conhecer a sua história

Nem sei por onde começar, mas posso adiantar que sai satisfeita da sala do cinema. Acredito que para a introdução da personagem o trabalho ficou bom. Não é nenhuma surpresa que Vers tenha uma história na Terra. Iniciamos o filme perdidos, igual a personagem, pois não sabemos quem ela é e muito menos quem é a mulher que aparece em seus sonhos.

Sua identidade não é segredo, mesmo se você não acompanha os quadrinhos, Vers é na verdade Carol Danvers, uma piloto da Força Aérea dos EUA. A chave para ela descobrir sobre o seu passado está em sua melhor amiga Maria Rambeau ( Lashana Lynch ). Mas é claro que antes de desvendarmos todo o mistério, veremos ela e Nick atuando juntos.

Capitã Marvel e o poder feminino na sociedade

O que eu achei do filme?

Como disse no início da publicação, saí satisfeita da sala do cinema. Capitã Marvel é um filme muito importante, não sobre a origem de super-herói, mas sim pela representatividade. Carol é uma heroína que não simboliza a perfeição, tanto que logo no começo Vers é vista como uma alienígena poderosa, porém ela não sabia exatamente a dimensão de sua força. No entanto, mesmo não dominando essa força e sabendo que precisava controlá-la para se torna uma guerreira digna, Vers não se contentava com as ordens. Ela é teimosa!

Capitã Marvel mostrou que não há necessidade de ter um par romântico em um roteiro, com uma protagonista mulher, para se tornar uma história notável. Da mesma forma que discursou a dificuldade de ser mulher em uma sociedade completamente machista. Não consigo descrever a sensação que eu sentia cada vez que a Carol Danvers caia e levantava na trama. Foi como um soco na cara de cada pessoa que não acredita no potencial feminino.

Gostei da forma que apresentaram a história dela, adicionaram flashbacks que complementaram bem a trama. Também adorei os efeitos usados para rejuvenescer Samuel L. Jackson e Clark Gregg e não posso deixar de elogiar a trilha sonora, pois escolheram canções que marcaram a década de 90.

Capitã Marvel e o poder feminino na sociedade

MAIS PERSONAGENS INTERESSANTES

Não senti as horas passando, inclusive poderia ter ficado mais tempo dentro daquela sala. Me emocionei com a homenagem que fizeram para o Stan Lee e fiquei ansiosa pelas cenas pós créditos. Entretanto, mesmo o filme durando 2h, senti falta de algumas explicações. Acredito que serão respondidas com o decorrer do tempo, mas queria saber mais sobre os Kree e Skrulls.

O gato roubou toda a cena e achei isso maravilhoso. Ver a interação dele com o Fury deixou tudo mais leve e divertido. Os personagens secundários também se destacaram e fiquei com vontade de conhecer melhor cada um deles. Sem dúvidas foi um filme significativo. Carol representa várias mulheres, visto que conhecemos a origem de alguém tentando entender quem realmente é, e que não se importa com a impressão que causa ao seu redor.

TRAILER DE CAPITÃ MARVEL

Agora é preparar o coração para Vingadores! Já foram assistir?