Boneco de Pano – Daniel Cole

por Posted on 7 Comments 3 min leitura 589 visualizações

Boneco de Pano é o tipo de livro que prende a atenção logo na capa. Um corpo e seis vítimas, como isso é possível? Isso vocês vão descobrir com um detetive obcecado e um Serial Killer capaz de de tudo.

Intrigado, ele se aproximou para ver melhor. Gigantescos pontos cirúrgicos alinhavam as partes desconexas do corpos diferentes. De um lado, uma perna masculina negra; do outro, uma feminina branca. À direita, a mão grande de um homem; à esquerda, a mão bronzeada de uma mulher. O negro dos cabelos desgrenhados fazia um forte contrasto com a pele alva e sardenta do tronco feminino.

Boneco de Pano - Daniel Cole

SOBRE A HISTÓRIA

William Fawkes é um detetive “famoso” que foi afastado do cargo após um episódio de agressão. Nesse afastamento ele foi submetido a um tratamento psiquiátrico e agora está apto para voltar a exercer a sua função. Porém, algo acontece com o seu retorno. Ele precisará investigar um crime impactante: um corpo formado por partes de seis pessoas diferentes.

E se não bastasse todo esse mistério, sua ex-esposa – a repórter Andrea Hall – recebe fotos anônimas e uma lista com as próximas vítimas do assassino. E o mais estranho é que o nome de Wolf está no final dessa lista junto com a data em que o crime acontecerá. Agora será preciso correr contra o tempo para tentar salvar quem está no alvo do assassino e encontrar a ligação entre as vítimas.

As pistas estão no corpo que foi encontrado em um apartamento. O que chamou a atenção dos investigadores foi a forma que o assassino agiu. Ele emendou partes de corpos diferentes e assim o caso ficou conhecido como Boneco de Pano. E na cena do crime, Wolf identificou que o corpo estava de frente para a janela e o dedo do cadáver estava apontado para o seu apartamento do outro lado da rua.

Ele terá que contar com a sua amiga Emily Baxter para identificar cada vítima e tentar encontrar alguma ligação entre elas. Entretanto não será fácil montar esse quebra-cabeça, já que o serial killer não deixou tantos rastros assim.

Boneco de Pano - Daniel Cole

MINHA OPINIÃO

Estou com dificuldades para falar sobre a história sem entregar o mistério todo. O livro é narrado em terceira pessoa e dessa forma conseguimos ter a perspectiva de cada personagem. Wolf foi afastado da sua função após agredir um réu que foi inocentado injustamente. E mesmo que ele esteja apto para voltar ao trabalho, no decorrer da história percebemos que seu passado o persegue.

Ele foi casado com a jornalista Andrea Hall, mas eles se separaram nesse intervalo em que Wolf se submeteu ao tratamento. Andrea trabalha para uma emissora e coloca o seu trabalho na frente de tudo e por isso acaba desrespeitando várias pessoas. Eu não sabia o que sentir por essa personagem, sério! Senti ódio, amor e ódio mais uma vez. Alias em Boneco de Pano a gente conhece um lado obscuro da mídia. Um lado em que não há ética e que fazem de tudo pelo poder.

Eu amo livros policiais e esse thriller me prendeu completamente. A narrativa é envolvente e há vários detalhes que oscilam entre tensão e ação. Os personagens foram bem construídos e mesmo a trama sendo narrada em terceira pessoa, não senti necessidade em aprofundar na vida de cada um deles. O destaque é o detetive Willian (Wolf) e por isso temos alguns flashbacks do passado do protagonista.

O que mais gostei foi do desenvolvimento da história. Há várias coisas acontecendo ao mesmo tempo e isso fez com que sentisse vontade de ler o livro na sequência. E é incrível a forma que as coisas se encaixam no final. Sabe aquela história de “só mais um capítulo”? Foi com essa promessa que terminei o livro no mesmo dia (praticamente). É uma escrita ácida e acelerada e foi dessa forma que fui sugada por completo.

A única coisa que me incomodou um pouco  foi o desfecho da trama. Eu entendi a proposta do autor e por mais que ele não tenha deixado nada aberto (e tenha explicado tudo), ele colocou um lado sobrenatural que achei completamente desnecessário e sem sentido. Todavia é uma leitura que recomendo bastante, pois a solução do mistério me deixou de boca aberta.

[penci_review]

Receba as publicações por e-mail

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 Comments
  • Juliane
    outubro 20, 2017

    Já quero, SIM ou COM CERTEZA?
    Não tinha ouvido falar desse livro Clay, você acredita? Mas já vou comprar!
    Fiquei com um pouco de medo desse final ser decepcionante e frustrante pq o build-up parece ter sido fantástico.
    Mas vou ler com a cabeça aberta e ver o que eu acho, depois venho te contar!
    Beijos Clay!

    • Clayci
      outubro 22, 2017

      Recomendo a mente aberta sim!
      Foi muito envolvente, mas odeio quando enfiam religião em tudo sabe? rs
      Acho que tem que ter cautela e deixar claro o objetivo.

  • Lilian Moraes
    outubro 20, 2017

    Oi Clayci! Esse livro está na minha lista, pretendo adquirir na minha próxima compra. Ainda não tinha lido nenhuma resenha do livro, lendo a sua, fiquei ainda mais ansiosa para ler. Também amo livros policiais e um bom thriller.

    Beijos
    http://orangelily.com.br/

    • Clayci
      outubro 22, 2017

      Ahhhhh espero que vc consiga ler e gosta da experiência *_*

  • Aaaaai fiquei SUPER curiosa para ler esta trama! A tua resenha já me manteve grudada imagino o livro propriamente dito! Seu blog é uma fofura! Beijinhos

  • Grazy Bernardino
    outubro 19, 2017

    Eu tô lendo o novo do Dan Brown (também da Arqueiro) e tenho tanto livro na lista que não quero, não posso nem imaginar comprar outro. Para de indicar livros bons miga!!!! Kkkkk E a Arqueiro não me manda livros. Então para tá? Hahahaha

Previous
Click Toys: Master Sword
Boneco de Pano – Daniel Cole

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE