Resumo do Mês: Março 5 16

Já acabou o mês de março? Estava gostando tanto dele, poxa! Não consegui fazer tudo que eu queria e espero que Abril dure bastante. Vamos lá?

LEITURAS DO MÊS DE MARÇO

Comecei o mês lendo Labirinto e fiquei apaixonada com esta edição especial de 30 anos que a Darkside books lançou. Esse filme fez parte da minha infância e assistia sempre na sessão da tarde. Jareth era aquele vilão com o qual eu sonhava e me imaginava ao lado dele, sabe? Está certo que eu esperava mais do livro, pois disseram que teria várias cenas que foram cortadas, mas não foi bem assim. O que diferenciou nesta edição foram as ilustrações e o diário de rascunho do autor. Descobri que Sarah realmente é cansativa e a culpa não era da atriz. Mesmo assim é uma edição que vale a pena ter na estante, sabe? Fiz a resenha dele aqui no blog.


Continuei a leitura da série “Eu Amo” e me diverti com a personagem. Ela é muito atrapalhada e tenta levar tudo no bom humor. Em Eu Amo Hollywood depois de superar o fim do seu relacionamento de dez anos e a traição do seu ex, Angela assumiu um novo relacionamento e continua fazendo sucesso com o seu blog na revista The Look. Dessa vez ela foi enviada para Hollywood e tinha como missão entrevistar um dos maiores astros do momento, mas os paparazzis não perdoaram e acabaram flagrando um mal entendido, pondo seu relacionamento está correndo risco. E agora?  Tem resenha aqui no blog, sim!

 


A menina que não acredita em milagres é um livro para ler com um lencinho do lado e refletir melhor sobre a forma que encaramos a vida. Nesse livro a personagem está em fase terminal e ela descobre que não há mais nada que se pode ser feito para ela se curar, a não ser um milagre. Porém Campbell não acredita nessas coisas! Ela já passou por tantos tratamentos e já perdeu pessoas importantes que ela decidiu aceitar o fim e pronto. Mas é claro que a sua família não, né? Cam se mudu para um lugar mágico, onde as coisas acontecem sem explicação. Tem resenha do livro aqui no blog também.

 


Finalmente saiu o Mangá do Sherlock! Depois de tantos anos esperando a Panini finalmente liberou a versão em português. Um estudo em rosa foi o primeiro episódio da série transmitida pela BBC e nela vemos como nosso detetive querido conheceu (e foi morar com o ) Watson. Fiquei boba em ver um episódio de uma hora meia em um mangá de 216 páginas. Está ali, tudo detalhado, tudo ilustrado. Amei e fiz a resenha aqui também.

 


Shift é um lançamento do selo Onyria da editora Fundamento. Fiquei surpresa porque quando li a sinopse fiquei imaginando uma coisa e ao ler fui surpreendida. A história prende a nossa atenção e ficamos curiosos para saber quem é a Mrianda. Como ela rouba a personalidade das pessoas em tão pouco tempo. É POSSÍVEL? Fiquei com medo dessa personagem, mas amei o assunto abordado. Olivia não é louca, ela passou por um trauma e está tentando retomar a sua vida e quando ela pensa que as coisas estão fluindo, aparece essa garota.


Eu ganhei Nimona de presente da Ju do blog A World to read e fiquei encantada com a HQ. Nimona é uma personagem metamorfa que não pensa antes de falar e agir. O seu sonho era ser comparsa de Lorde Ballister (Coração Negro) o maior vilão que existe. Mas ela não fazia ideia que ele não era tão vilão assim e que ele não agia por impulso e planejava bem o seu alvo e o motivo. A resenha desta HQ vai sair em breve aqui no blog, mas eu gostei bastante. Está certo que eu senti falta de saber mais sobre o passado da personagem, porém a leitura valeu a pena. Obrigada pelo presente Ju!

 


Continuo com o projeto de reler Harry Potter e estou no terceiro livro, que na verdade é o meu favorito da série. Engraçado que ainda sinto toda a magia quando leio a história, sabe? Prisioneiro de Azkaban lida com um assunto que eu amo: tempo. Agora quero rever o filme <3

 

 

Os livros que chegaram por aqui no mês de março.

PASSEIOS E EVENTOS

SÃO PAULO FASHION WEEK

Fui convidada pela Natura para ir no evento e levei a Stephanie comigo. O evento valeu a pena, mas preciso desabafar o nervoso que passei para chegar até ele. Como não conheço o trajeto para o parque Ibirapuera de ônibus, confiei no cobrador para me avisar em que ponto eu desceria no acesso ao portão três do parque. Ele me deixou perto do acesso 10 e assim que desci no ponto caiu uma chuva pesada. Não tinha onde ficar, então fiquei no ponto (único lugar coberto) com as pessoas que estavam por lá. Me molhei toda, quase fui assaltada, não tinha uma sinalização dentro do parque ajudando e cheguei lá pura lama. Apesar de todo o nervoso, gostei de ver os estandes que estavam por lá. A Stephanie fez publicação com a cobertura do evento lá no Quase Mineira.

TAVERNA MEDIEVAL

Comemoramos o aniversário da Marcela no Taverna Medieval e fiquei apaixonada pelo local. O ambiente e as comidas são maravilhosas e contei a experiência aqui no blog. Super recomendo!

NAKAYAMA SUSHI

Levamos a Ste no meu restaurante japonês favorito. O Nakayama fica perto da minha casa e comemos demais. Ela falou sobre o ambiente lá no Quase Mineira.

VÍDEOS NO CANAL



PUBLICAÇÕES MAIS VISUALIZADAS

Frases que todo fotógrafo já ouviu;
Shift;
Unboxing Nerd Loot;

E o que vocês aprontaram em março, hein?

Beijos

Comentários

Comentários

Existe uma frase que consegue me descrever perfeitamente bem: “Quando acordei hoje de manhã, eu sabia quem eu era, mas acho que já mudei muitas vezes desde então“ (Alice no País das Maravilhas). Sou uma taurina que gosta de mudanças, estranho né?! Sempre gostei de fazer parte do que não conheço e nunca tive medo de arriscar naquilo que acredito. Sou Whovian, Sherlockian, Slytherin e Nintendista. Apaixonada por fotografia, livros, roedores, toys e miniaturas.

5 Comments

  1. Eu acompanho a Noelle no tumblr e ela é incrível! Ainda não tive a oportunidade de ler Nimona, mas se cair na minha mão eu leio. Eu vi 1984 na tua pilha de livros e chegou a gelar a espinha. Meu Deus, que livro maravilhoso! Ele fica contigo depois que acaba, te incomodando. Não é meu tipo favorito de livro, mas gostei que me fez pensar hahaha! Vou lá ler a resenha sobre Labirinto porque esse filme é tudo de MARAVILHOSO e Jareth é o melhor vilão-rei-duende de todos. Como não amar David Bowie???

    P.S.: Vi um comentário teu eras atrás num blog de viagem que eu tava tentando manter mas que miou. Estou feliz de ter chegado até o teu blog. 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE