Rangers #7: Resgate de Erak – John Flanagan 4

Rangers (Ordem dos Arqueiros) #7 – Resgate de Erak;
ISBN: 9788576768630;
Páginas: 392;
Autor: John Flanagan;
Editora: Fundamento; (A editora está com 30% de desconto no site)
Avaliação: 
Sinopse: Existe uma passagem do treinamento de Will Tratado que falta ser contada. Uma aventura que se passa antes dos eventos mostrados nos volumes 5 e 6. Quando Erak, o oberjarl da Escandinávia, decide liderar seus homens em um saque à pequena cidade mercantil de Al Shabah, ele não imagina o desfecho dessa empreitada. Depois de uma invasão surpreendentemente fácil, o líder escandinavo acaba prisioneiro de um grupo de guerreiros do povo arridi. Svengal, homem de confiança do escandinavo, pede ajuda aos araluenses. Por conta da dívida de honra que tem com o oberjarl, o rei Duncan se vê obrigado a enviar a princesa Cassandra como representante da família real para efetuar o pagamento do resgate e garantir a liberdade de Erak. Preocupado com a segurança da filha, Duncan convoca Halt, Will, Horace e Gilan para acompanhá-la e protegê-la durante a missão. Tem início uma jornada onde o perigo espreita atrás de cada pedra do caminho. Uma verdadeira provação para Will e seus companheiros, que fica ainda mais arriscada quando o grupo é castigado por uma tempestade de areia que carrega rumores de uma grande traição.

*Livro cedido em parceria com a editora.

Consegui finalizar a leitura do sétimo livro da série Rangers e preciso dizer que este livro conseguiu provocar diversos sentimentos em mim. Se você acompanhou minhas resenhas anteriores, já deve ter notado que Halt é o meu personagem favorito, né? E ele está presente nessa aventura junto – de outros arqueiros e– dos escandinavos. Na verdade eu fiquei um pouco confusa com a ordem cronológica da história  (se você já leu a série vai me entender). O resgate de Erak era para ser o quinto livro da saga e apesar de não interferir em nada no entendimento da história faria mais sentido se eu tivesse lido antes dos volumes 5 e 6, mas vamos lá!

Araluen está em clima de festa! Halt finalmente vai se casar com a Lady Pauline e iniciamos a história com os preparativos do seu casamento. Foi muito bom ver os personagens principais em um momento de descontração, tudo estava indo bem até a chegada do grande dia. Os Araluenses foram surpreendidos com a chegada de um escandinavo no meio da festa, afinal o que ele queria?

Para entender: Em Folha de Carvalho Will e Evanlyn conseguiram fugir dos Escandinavos, porém Evanlyn foi caputurada mais uma vez por um grupo desconhecido. Enquanto Will procura por sua amiga, ele reencontra Halt e Horace (que haviam partido para resgatá-los) e juntos descobrem que os Temujai eram muito mais perigosos. Depois de brigarem, eles conseguiram resgatar Evanlyn e fizeram uma aliança com os Escandinavos.

E quando todos estavam comemorando a festa de Halt, Svengal (o escandinavo) aparece para pedir ajuda.  Svengal é o homem de confiança do oberjarl Erak e ele foi levar a notícia de que seu amigo fora sequestrado. Erak havia planejado fazer um último saque em uma cidade mercantil, porém acabou se tornando prisioneiro do povo Arridi. Eles pediram um valor alto para resgatá-lo e como o oberjarl sabia que não podia contar com o seu povo, ele desconfia que seu sequestro foi um golpe contra o seu reinado.

E como o Rei Duncan tem uma dívida com os escandinavos por terem salvo sua filha (além da aliança entre os reinos) ele resolve mandar uma delegação para resgatar Erak. Mas como ele não poderia comparecer – por conta de outras tarefas – o rei acaba enviando sua filha Evanlyn (Princesa Cassandra) como representante da família real para negociar o resgate. Claro que a princesa não foi sozinha nesta expedição. Halt, Gilan, Will e Horace a acompanharam para garantir a sua segurança.

Depois de finalmente se encontrarem com o arridi Selethen e negociarem um valor para libertar Erak, eles tiveram que ir atrás do amigo em Al Shahah. Eles não imaginavam que iriam enfrentar uma tempestade de areia capaz de colocar toda a delegação a prova e muito menos que iriam enfrentar uma grande batalha.

Vou parar por aqui para evitar spoilers do mal, mas como disse no início da publicação este livro conseguiu provocar vários sentimentos em mim. Will teve que se afastar dos seus amigos por causa de Puxão (o seu cavalo), os arqueiros foram torturados e surgiram alguns personagens que me deixaram com raiva. Todavia o humor dos personagens continuam presentes e ver Cassandra assumindo uma responsabilidade e enfrentando suas inseguranças foi muito bom. Halt tem um carinho muito grande por Will e nesse livro vamos explorar melhor os seus sentimentos. E claro que não poderia faltar a disputa de Alyss e Cassandra pelo coração do jovem Will, né? Isso eu achei desnecessário, mas relevei.

De todos os livros da série que eu li até agora, o Resgate de Erak foi o que teve mais ação. A leitura foi rápida e não vejo a hora de ler o 8º livro.

 

NÃO CONHECE A SÉRIE? LEIA AS RESENHAS ANTERIORES.

Comentários

Comentários

Existe uma frase que consegue me descrever perfeitamente bem: “Quando acordei hoje de manhã, eu sabia quem eu era, mas acho que já mudei muitas vezes desde então“ (Alice no País das Maravilhas). Sou uma taurina que gosta de mudanças, estranho né?! Sempre gostei de fazer parte do que não conheço e nunca tive medo de arriscar naquilo que acredito. Sou Whovian, Sherlockian, Slytherin e Nintendista. Apaixonada por fotografia, livros, roedores, toys e miniaturas.

4 Comments

  1. Aiii Assim meu coração não aguenta de curiosidade!
    Eu evitei ler a resenha toda porque você sabe que só lí ate o quarto livro! Mas estou doida pra continuar! Porque simplesmente amo os personagens e adoro essa leitura bem levinha e rápida que os livros da serie tem <3

  2. Salve Clay!
    Se eu bem me lembro, uma das coisas que eu menos gostei em Rangers, era o fato de ter pouca ação e a ação ser meio travada, já que ele se foca em um menino que é franzino e tal. E adorava as partes que apareciam o Horace, pq eram brigas mais pesadas.
    De resto, até que é uma série bem boa. Se eu não me engano saiu o 13º volume e eu preciso ler ainda…
    bjos

    1. hahahahhaa Vc não gostou da série?
      AI AI AI .. Tem algumas cenas paradas mesmo, que trabalha mais a amizade em si.
      Mas eu amo Ramgers e já estou lendo a nova série do autor inclusive <3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE