Image default
Home - Graphic Novel: Uma dobra no tempo – Madeleine L’Engle
Quadrinhos Resenhas Literárias

Graphic Novel: Uma dobra no tempo – Madeleine L’Engle

Graphic Novel: Uma dobra no tempo - Madeleine L’Engle

Uma Dobra no Tempo é um clássico de fantasia infanto-juvenil escrito por Madeleine L’Engle e a versão Graphic Novel foi publicado pela editora Darkside Books.

Eu já falei sobre essa história aqui no blog. Ainda não tive a oportunidade de assistir a adaptação cinematográfica, mas tive o prazer de receber essa edição aqui em casa. A Darkside Books caprichou em cada detalhe e isso só fez com que eu gostasse ainda mais da história.

Meg Murry é uma garota incrível e determinada, contudo o seu rendimento escolar cai depois que o seu pai (o cientista Sr. Murry) desaparece. Com o seu desaparecimento, surgiram várias fofocas a seu respeito; disseram até que ele abandonou a família. Entretanto, Meg sabia (e fazia de tudo para acreditar) que ele não seria capaz de fazer isso, pois amava a família.

E por falar em família, Meg, morava com a sua mãe (que também era cientista), os gêmeos e o pequeno gênio Charles Wallace. O relacionamento entre Meg e Charles é incrível, pois apesar de ser mais novo, Charles é maduro e consegue compreender tudo que está a sua volta. Certo dia, enquanto eles caminhavam pelo bosque se encontraram com um menino chamado Calvin. Porém, apesar de parecer uma coincidência, o encontro deles não fora por acaso.

Graphic Novel: Uma dobra no tempo - Madeleine L’Engle Graphic Novel: Uma dobra no tempo - Madeleine L’Engle Graphic Novel: Uma dobra no tempo - Madeleine L’Engle

Eles pararam em frente à Casa Assombrada e nela moravam três senhoras misteriosas:  Sra. Quequeé, a Sra. Qual e a Sra. Quem. Essas três senhoras revelam à Meg que seu pai está correndo perigo em uma outra dimensão e que uma força tenebrosa ameaça destruir toda a vida que há por lá. Então, as três crianças e as três senhoras, irão fazer uma viagem pelo tempo e espaço para tentar salvar o Sr. Murry.

Só que esta viagem não será nada fácil. A Coisa Escura (que eles terão que enfrentar) é poderosa e ganha mais força conforme o tempo passa. E mesmo se sentindo perdida e insegura, Meg terá que usar o seu dom para assumir o controle e se tornar uma heroína.

A editora Harpen Collins já lançou os outros dois volumes dessa série e espero iniciar a leitura do segundo em breve. Nunca pensei que fosse possível narrar toda a história em uma Graphic Novel, no entanto, fui surpreendida positivamente. Essa edição conta com 420 páginas e foi adaptada por Hope Larson (roteiro e arte) e traduzida por Érico Assis.

Eu queria que vocês conseguissem ver a beleza desse livro por foto. Ele tem detalhes holográficos; sem falar nas cores das ilustrações que entram em harmonia com a história. Fiquei apaixonada pelo trabalho da editora e se tornou o meu queridinho da estante.

Graphic Novel: Uma dobra no tempo - Madeleine L’Engle Graphic Novel: Uma dobra no tempo - Madeleine L’Engle

 

 

Uma Dobra no Tempo Book Cover Uma Dobra no Tempo
Madeleine L’Engle, Hope Larson
Darkside Books
420

Sinopse: A DarkSide Books convida os leitores a embarcarem nessa viagem clássica reimaginada pela talentosa ilustradora Hope Larson. Em Uma Dobra no Tempo, o pai de Meg e Charles Wallace, um exímio físico, está desaparecido há dois anos. A aventura começa quando, em uma noite de tempestade, eles recebem a visita de uma senhora peculiar, a sra. Queque é, que foi tirada de sua rota pelo vento enquanto viajava pelo tempo e espaço utilizando o tesserato. Na companhia de mais duas criaturas sobrenaturais, a sra. Quem e a sra. Qual, e de um garoto chamado Calvin O’Keefe, eles partem pelo universo em busca de qualquer indício do paradeiro do dr. Murry. Mas o que eles descobrem vai muito além disso: todo o universo está sendo atacado pela Escuridão, uma força perigosa que traga a luz das estrelas e dos planetas, em uma luta contra o mal que parece nunca acabar.

Roteirista das histórias da Batgirl, da DC Comics, e ganhadora de um Eisner Award, a maior honraria para um quadrinista, Hope Larson realiza um trabalho impecável ao reacender as memórias de quem cresceu na companhia de personagens tão carismáticos, ao mesmo tempo em que introduz, com respeito e carinho, o universo de Madeleine L’Engle para quem acabou de embarcar nessa jornada. E que jornada. Uma Dobra no Tempo é uma aventura emocionante para todas as idades que discute temas importantes e eternos como coragem, aceitação das diferenças e a importância de acreditar em si mesmo. A jornada de Meg, uma garota comum e ao mesmo tempo extraordinária, nos mostra que existe um poder capaz de vencer qualquer obstáculo: o amor.

Com interpretações vívidas que respiram nostalgia, seu traço cuidadoso ganha ainda mais frescor com o tom azulado que permeia as ilustrações, garantindo uma experiência completa. A DarkSide Graphic Novel ganhou mais um quadrinho preparado com esmero, naquele padrão de qualidade que os darksiders já conhecem — e que seria aprovado em qualquer lugar do tempo e espaço. Essa belíssima história também ganhou uma adaptação nos cinemas, em um filme da Disney estrelado por Oprah Winfrey, Reese Witherspoon e Mindy Kaling. Seja no cinema, nos livros ou nos quadrinhos, uma coisa é certa: Uma Dobra no Tempo chegou para deixar o leitor querendo dar um jeito de tesserar por aí.

Leia também:

As letras do Amor – Paula Ottoni

Clayci

Livro Ilustrado – Doutor Estranho

Clayci

O Dom – Robert Ovies

Clayci

13 comentários

Larissa Xavier 4 de junho de 2018 at 16:42

Olá por mais que seja uma grafic novel eu não tenho pretensão de ler pois não faz parte dos meus gostos literários e apesar da ilustração e da capa linda não atrai a minha atenção a historia então eu passo essa dica

Resposta
Tamara Padilha 31 de maio de 2018 at 06:44

Oi, tenho ouvido vários elogios para esse livro, especialmente a versão da dark, que é sempre um arraso. Admito que não li pois não faz muito meu estilo, mas tenho visto muitos comentários positivos.

Resposta
Dayhara 28 de maio de 2018 at 10:06

A Darkside vai ser sempre a melhor editora quando o assunto é a estética do livro, né? Incrível! Eu recebi os dois primeiros livros da HarperCollins mas ainda nao os li, em breve receberei o terceiro e pretendo ler tudo de uma tacada só, sei que vou me envolver pela leitura. Já essa edição da Darkside… É primorosa demais, só de ver suas fotos fiquei babando.

Resposta
Clayci 29 de maio de 2018 at 09:27

Eu ainda não consegui ler o segundo O.O
E já sai o terceiro.. Oh gosh rs

Resposta
Viviane Dutra 27 de maio de 2018 at 21:20

Oi Clayci, por tudo que leio deste livro, me parece ser muito bom, eu tenho a outra versão, só escrita, mas ainda não consegui ler. Esta graphic novel eu quero também, mas acho que a experiencia será completa se eu ler o outro antes e depois os quadrinhos.
Tuas fotos estão incríveis, como sempre.
Bjos
Vivi
http://duaslivreiras.blogspot.com.br/

Resposta
Clayci 29 de maio de 2018 at 09:21

Oi Vivi <3
Achei que o autor soube trabalhar bem o original nos quadrinhos. Achei completo e vi os principais trechos na história.
Porém recomendo sim ler a outra primeiro =D

Resposta
Rosana Gutierrez 27 de maio de 2018 at 01:23

Olá!
Fantasia é um dos gêneros literários que mais gosto.
Já li Uma dobra no tempo e gostei muito, faz um tempão isso hehehe
A Darkside sempre tem projetos gráficos incríveis e somado a sua resenha, fiquei muito animada em ler essa versão adaptada para graphic novel.
😉

Resposta
Clayci 29 de maio de 2018 at 09:01

Ahhh senti que a história ficou mais valorizada nesse formato.
hahahah <3

Resposta
No Conforto Dos Livros 26 de maio de 2018 at 17:00

Olá!! 🙂

Eu confesso que não conhecia este livro, mas ainda bem que gostaste de fazer a leitura! 🙂 Gostei muito da capa devo, confessar. Percebo perfeitamente os teus elogios!

Enfim, que bom que o traço e a cor se conjugaram tao bem! E que a historia te agradou!

Boas leituras!! 😉
no-conforto-dos-livros.webnode.com

Resposta
Clayci 29 de maio de 2018 at 09:00

Obrigada <3

Resposta
Ana Carolina Domingues 25 de maio de 2018 at 21:54

Os livros da Darkside Books são obras de arte, impossível não se apaixonar

Resposta
VANESSA BRUNT 25 de maio de 2018 at 19:36

Cla, eu não aguento com essas suas fotos! É cada clique mais poético e intenso que o outro. Você representa tanto as entrelinhas das obras com cada detalhe dessas imagens que fica impossível não parar por uns minutos em cada uma só pra ficar babando. E que resenha maravilhosa! Como sempre, mais uma indicação em você nos traz sua verdade pura e esse olhar aguçado. Adorei o Charles desde já – e todas as mensagens de quebras de julgamentos que vêm com ele!

http://www.semquases.com

Resposta
Clayci 29 de maio de 2018 at 08:46

Ahh tu que é maravilhosa.
Muito obrigada <3

Resposta

Deixe um comentário

* Seu comentário irá para aprovação

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE