Dirk Gently’s Holistic Detective Agency;
Ano de Produção: 
2016;
Temporada: 1;
Episódios: 8;
Co-Produção: Netflix;
Avaliação: 
Sinopse: A série conta a história de um detetive holístico dedicado a investigar casos que envolvam o sobrenatural. Baseada na série literária Agência de Investigações Holísticas Dirk Gently, de Douglas Adams.

A série “Dirk Gently’s Holistic Detective Agency” chegou na Netflix no final do ano passado, mas só agora que consegui fazer a maratona dos 8 episódios da primeira temporada. E se eu não conhecesse o personagem sem sentido do autor Douglas Adams, eu teria desistido de acompanhar a série no primeiro episódio – como muitos amigos fizeram.

Na história o carregador Todd (interpretado por Elijah Wood) presencia um assassinato na cobertura do hotel em que trabalhava. Todd leva uma vida parada e sem graça, sabe? Ele é uma pessoa desligada e sua única preocupação é a irmã –Amanda – que sofre de uma doença genética e o seu salário é para comprar os remédios dela.

O que acontece é que depois do incidente que ele presenciou, desencadeou-se uma série de acontecimentos bizarros – e sem sentidos – para o personagem (e para quem assiste) e acredito que é isso que faz com que as pessoas desistam de acompanhar a série até o final. Todd acaba conhecendo o responsável por mudar a sua vida por completo: Dirk Gently (interpretado por Samuel Barnett). Dirk é um rapaz desastrado e sem a menor noção de realidade, mas é ele que faz com que a gente sinta vontade de desvendar o mistério.

São praticamente nos últimos episódios que conseguimos ligar os pontos. Não estou aqui para dizer o que aconteceu, mas estou aqui para tentar te convencer a assistir a série.

1 – DIRK GENTLY É BASEADA EM UMA SÉRIE DE LIVROS DO DOUGLAS ADAMS.

Acredito que só esse motivo seja o suficiente para te convencer. Douglas Adams é o mesmo autor de O Guia do Mochileiro Das Galáxias, já leu? A série é produzida pelos estúdios da BBC América (onde foi transmitida pela TV antes de entrar no catálogo da Netflix) e quem comanda a personalidade de Dirk Gently é o Max Landis. Mas já adianto que não é uma releitura fiel dos livros do autor, viu? Todavia, conseguiram criar uma história incrível com um personagem insano e cômico.

2- HUMOR LEVE, SEM SENTIDO, MISTERIOSO.

Se você é fã de Sherlock vai gostar do humor da série. Dirk Gently’s Holistic Detective Agency tem uma pitada de ficção científica e mistério. Os personagens são cativantes e divertidos, porém você vai perceber que as histórias paralelas se encaixam em vários gêneros. Existem algumas cenas de drama, romance e suspense, todavia o mistério predomina. Sem falar que existem várias referências no decorrer dos episódios – Sherlock é exemplo disso – e possuí uma trilha sonora maravilhosa.  Se você se sentir confuso no início da série (e isso vai acontecer) não se desespere porque o final ocorre toda a explicação do caso. Me senti em Doctor Who nas vezes em que ele explica passo a passo o porquê de algo.

3- REFLETIR SOBRE O QUE REALMENTE IMPORTA

Agora vem a parte mais legal da série: a mensagem que ela passa. Algo que aprendemos logo no primeiro episódio é que nós estamos onde deveríamos estar e ponto. Achei muito bacana a forma que a série se comunicou com a gente no meio de tanta coisa sem sentido. E é isso que eu adoro nas obras do Douglas Adams. Ele consegue simplificar a vida usando personagens tão complexos. “Dirk Gently’s Holistic Detective Agency” fala muito sobre amizade, amor e a importância da verdade. E foi isso que Dirk fez na vida de Todd, mostrou o quanto é importante a honestidade e como devemos aproveitar e viver cada momento como se fosse o último, sabe?

E se eu ainda não consegui te convencer talvez essa imagem possa fazer isso:

Sim! Esse gato fofo é a resposta de tudo.

É uma série que vale a pena! Teremos a segunda temporada e eu não vejo a hora dela sair. E se você quiser entrar no mundo de Dirk Gently fizemos uma resenha do livro “A Longa e Sombria Hora do Chá da Alma” aqui no blog.

A Longa e Sombria Hora do Chá da Alma – Douglas Adams

Assista o trailer:

Já assistiram?

Beijos

Comentários

Comentários